O gramado dos Aflitos chegou nesta sexta-feira (23) ao Recife. Depois do lançamento da campanha Voltando pra Casa, havia a preocupação se iria ser possível fazer o transporte da cidade de Touro (RN) para Pernambuco nesta semana por conta das chuvas no Recife, mas a data inicialmente prevista acabou sendo confirmada e assim o cronograma segue normal.

Quem quiser ajudar o clube nessa campanha para reativar o estádio dos Aflitos tem entre as opções a de pagar R$ 50 ou R$ 25 (sócios) para participar do momento histórico do plantio da grama comprando o chamado Pacote Tapete Vermelho da campanha Voltando pra Casa.

Até agora, foram arrecadados R$ 127.518, que equivalem a apenas 2,5% do total previsto para possibilitar o fim das obras.

Projeto prevê instalação de vidro entre a torcida e o campo (Imagem: Divulgação/VoltandoPraCasa)

Narrador esportivo abre o Café Tão no Espinheiro

Programação

Amanhã, às 8h, o presidente do Náutico, Edno Melo, em um gesto simbólico, deve realizar o plantio da primeira parte do gramado, juntamente com os representantes do executivo, da comissão de volta aos Aflitos,  membros do conselho e também o primeiro sócio a comprar o Pacote Tapete Vermelho.

Em seguida, às 9h, abre-se para os demais sócios que compraram pelo site o direito de participar desse momento (mediante a apresentação do comprovante). Os sócios em dia que quiserem estar presentes poderão acompanhar o plantio através da arquibancada (mediante a contribuição simbólica de R$ 10,00).

Veja como vai ficar a Rua Manoel de Carvalho ao fim das obras (Imagem: Divulgação/Voltando Pra Casa)

Reinauguração

A campanha Voltando pra Casa tem ainda pacotes que vão de R$ 600 mensais (com direito a ser sócio por 10 anos) até o valor que poder ser doado pelo torcedor.

A ideia é que o estádio seja reinaugurado em abril. Após o fim de toda a reforma, vai ser entregue uma nova estrutura elétrica, que vai possibilitar a instalação de uma melhor iluminação e de novos equipamentos de som e placar. Além disso, será construído alambrado novo e feita a substituição das cadeiras.

Para garantir reforço na renda do clube, a ideia é que a Rua Manoel de Carvalho passe a contar com a chamada Alameda Timbu, área construída pelo clube com pontos comerciais permanentes que serão alugados por empresas privadas.

Náutico discute criação de bares na Rua Manuel de Carvalho