Há um ano, o PorAqui visitou a casa de Beth da Matta, na Rua Amélia, no Espinheiro, Zona Norte do Recife. Por lá, garrafas de catchup tinham quase a mesma importância  que as obras de arte dispostas pelo apartamento. Talvez isso seja exagero, mas impressiona a paixão que Beth sempre nutriu pelos molhos de tomate de sua marca Judith & Judith, que recebem embalagem caprichada, de vidro mesmo, e rótulo à moda antiga.

Beth se mudou para São Paulo recentemente, mas os filhos Lucas e Gabriella da Matta assumiram a produção de catchup, cuja receita aprenderam com a mãe.

LEIA TAMBÉM:

Com burger artesanal de qualidade, Maverick lança delivery e novo cardápio

10 lugares pra matar a larica de madrugada no Recife

 

Foto: Ilana Costa/PorAqui

Na cozinha quase pequena do apartamento em que morava com a família, chegava a produzir 50 garrafas de 330 gramas por semana em agosto de 2017.

Hoje os catchups estão à venda, nos sabores tradicional, picante e defumado, na página do Instagram @molhos.judith e também na Kangaroo Australian Burger, em Casa Forte, por R$ 20. Dá pra encomendar também pelo WhatsApp (081) 99106-9586.

O início

Tudo começou quando um amigo de Beth, Bruno Vilela, também artista, decidiu fazer hambúrgueres em casa, há uns 3 anos. Beth, que já  cozinhava e é até formada em gastronomia, levou alguns molhinhos e, claro, catchup feito em casa.

“Ele adorou porque adora comida. Tem gente que tem essa coisa com o paladar e que parece que estimula a gente a produzir. Aí comecei a repetir aqui em casa e já era algo que estava comum. ‘Ai, mãe, faz o catchup’. Eu vi que tinha potencial até porque, em toda minha produção gastronômica, eu estou preocupada com o que estou usando. A gente tem que se preocupar com o que coloca na boca”, diz Beth.

“Judith&Judith é um molho e também um ketchup. Estou sempre atenta aos ingredientes que uso porque são cuidadosamente selecionados. Sim, tem açúcar, mas é demerara, o sal é marinho e pelo fato de ser artesanal, sem aditivos e conservantes, dura menos na geladeira, mas ganha no sabor, na textura. Uma dica: aproveite para usar como ingrediente de outras receitas. Provei de um sururu de côco preparado com algumas colheradas de Judith & Judith na receita e me surpreendi!”, fala.

Veja, agora, vídeo com a receita do catchup rústico, com Beth da Matta:

Agora a receita por escrito, pra você guardar!

Arte: Caio Vieira/PorAqui