Você já parou para imaginar que somente com fraldas descartáveis que usa ao longo de três anos de vida um único bebê chega a gerar uma tonelada de lixo? E que esse lixo (fraldas descartáveis) leva 400 anos para se decompor? Já uma mulher saudável, ao longo de sua vida fértil – imaginando que esse período vá dos 13 aos 50 anos – pode chegar a utilizar de 10 a 15 mil absorventes descartáveis, também feitos de material altamente poluente?

Entre as fraldas, há para recém-nascidos e tamanhos especiais
Entre as fraldas, há para recém-nascidos e tamanhos especiais

Pois é aí que entram os produtos ecológicos como fraldas e absorventes femininos feitos de tecido e em Aldeia uma moradora é das poucas fabricantes deste tipo de produto em todo o país. Ao engravidar pela quarta vez, em 2015, Mariana Navarro resolveu investir numa pequena produção de slings (carregadores de bebês), e botou o nome de Quatro Corações. Dois anos depois engravidou novamente e a nova Cinco Corações voltou seu foco para as fraldas ecológicas.

Leia também:

Condomínio em Aldeia dá exemplo de boa gestão do lixo

Em Aldeia há lixo em todo canto. Mas e você, faz a sua parte?

No interior da fralda fica o tecido absorvente feito de um material especial
No interior da fralda fica o tecido absorvente feito de um material especial

“Desde a terceira gravidez eu queria usar fraldas que não fossem para o lixo, mas na época eu não encontrava no Brasil. Na verdade esse tipo de preocupação é recente no país e somente de uma década para cá surgiram as primeiras produções nacionais”, explica Mariana. Com uma loja virtual, algumas revendas espalhadas pelo país e participando de feiras infantis em Pernambuco, a empresária tem hoje um público crescente, vendendo uma média de 300 fraldas e 100 absorventes femininos por mês.

“Costumo dizer que as fraldas são amor à segunda vista, porque geralmente as pessoas têm uma resistência inicial, achando que vão ter trabalho com a lavagem, mas depois que começam a usar elas veem que é um processo super simples e sempre voltam para comprar mais”, diz Mariana. Segundo ela, a limpeza das fraldas pode ocorrer de dois em dois dias, se o bebê tiver um enxoval básico com 25 peças. Depois de uma pré-lavagem à mão para tirar o excesso, a fralda deve ir para a máquina com sabão neutro, detergente ou sabão biodegradável.

Economia

A vida útil das fraldas ecológicas é de oito anos no mínimo. Tudo depende de como é feita a lavagem e manutenção. Por ter alta durabilidade, podem ser usadas por vários irmãos ou passar de uma família para outra. A Cinco Corações tem uma linha especial para recém-nascidos, outra para crianças de três meses a três anos, fraldas especiais para banho de mar ou piscina e tamanhos especiais, destinadas a crianças de até 12 anos (entre 16 e 32kg) que ainda não desfraldaram ou têm algum tipo de deficiência física.

Sarah, a filha mais nova de Mariana, com a fralda ecológica
Iara, a filha mais nova de Mariana, com a fralda ecológica

Segundo Mariana, o preço das fraldas também é um atrativo para quem está pensando em economizar. Cada peça varia de R$ 45 a R$ 65 e o enxoval básico composto por 25 fraldas – que substituem as cerca de 6 mil descartáveis que uma criança usa até os três anos de idade – sai a R$ 1.220,00.

Mariana explica que todas as fraldas são feitas com materiais específicos comprados no Sul do país e podem ser em algodão, lycra ou Microsoft na parte externa dependendo do modelo, e dryfit, que é 100% poliamida e hipoalergênico, na parte interna. Todas levam elástico caseado com ajuste, o que permite que “a fralda cresça junto com a criança”, 16 botões e uma toalha de melton que absorve os líquidos e também podem ser compradas separadamente (R$ 15).

Preocupação ambiental

“Somente nesses dois anos e meio produzimos cerca de 3.600 fraldas ecológicas, que equivalem a 1 milhão de fraldas descartáveis. Isso significa que 216 toneladas de lixo deixaram de ser produzidas. Imagine o impacto disso!”, comemora.

Os absorventes também variam de tamanho: normal e noturno
Os absorventes também variam de tamanho: protetor diário, normal e noturno

Os absorventes femininos, também produzidos pela Cinco Corações a partir de uma demanda grande de mulheres que solicitavam, só chegaram ao mercado há cerca de cinco meses. Mesmo assim já têm tido uma boa saída, segundo Mariana. “Temos protetor diário, que custa R$ 15, o absorvente normal a R$ 18 e o noturno, que sai a R$ 20”, conta. “As pessoas estão se dando conta realmente que têm que fazer sua parte por um mundo mais sustentável. Pequenas ações como trocar o absorvente descartável por um de pano são exemplos de grandes impactos na preservação do planeta”, opina.

www.cincocoracoes.com.br
(081) 97115-6709
@fraldasecologicascincocoracoes
Facebook: /cincocoracoes
contato@cincocoracoes.com.br