Cansado de tanto lixo, insegurança e más condições de trafegabilidade, um grupo de moradores da região conhecida como Loteamento Pau Verde, em Aldeia, está recolhendo assinaturas para pressionar a Prefeitura de São Lourenço da Mata a cumprir com suas obrigações na área.

Onde antes era jogado o lixo, agora há um jardim colorido
Onde antes era jogado o lixo, agora há um jardim colorido

Segundo o empresário Douglas Gomes de Sá, que está encabeçando o movimento de moradores, não há coleta de lixo nem iluminação naquela região, que liga Aldeia a São Lourenço. Além disso, a avenida Pau Ferro, que é a via principal da área, está em situação caótica, com muita lama e buracos.

Leia também:

Atenção, aldeienses! Todo cuidado é pouco com os dutos da Transpetro

Moradores da Mumbeca, na Guabiraba, terão transporte complementar

O grupo de moradores que tomou a iniciativa, junto com Douglas, arregaçou as mangas e providenciou a retirada do lixo da mata na Rua David Canabarro e ali colocou cerca de 90 pneus pintados de diferentes cores com mudas de plantas diversas, como pitanga, jasmim e espada de São Jorge. A ideia é chamar a atenção de outros vizinhos e mostrar que é possível transformar o que antes era lixo num bonito jardim.

Os moradores contrataram uma equipe para coletar e transportar o lixo da rua
Os moradores contrataram uma equipe para coletar e transportar o lixo da rua

“Precisamos exigir da prefeitura que use, no local onde moramos, os recursos que pagamos de IPTU”, diz ele. “Temos feito o papel do poder público, pagando de nosso próprio bolso lâmpadas para os postes das ruas, carros para coletar e transportar o lixo e tratores para aplainar nossas ruas”.

Segundo Douglas, se com o abaixo-assinado os moradores não conseguirem fazer com que a Prefeitura cumpra o seu papel, eles pretendem acionar o Ministério Público. A professora de dança Alessandra Roma, que também mora na David Canabarro, conta que antes da mobilização da comunidade, a rua estava tomada de lixo, que já se espalhava para dentro da mata. “Esse lixão já estava nos causando muitos problemas, inclusive com a chegada de ratos. Agora está transformado num belo jardim”.