Quem tem uma pessoa querida dependente em drogas muitas vezes não sabe o que fazer ou a quem recorrer. No post anterior falamos sobre os primeiros passos que precisam ser dados e ficamos de explicar agora sobre os modelos de internação existentes. Quando há a indicação médica da internação e o familiar, o paciente ou ainda a pessoa com quem convive o paciente concordar com a internação, é preciso analisar as possibilidades que as instituições oferecem.

Leia também:

Tratamentos em Saúde Mental: onde estamos hoje em dia?

Clínica em Aldeia trata de saúde mental com proposta humanizada

A internação pode ser feita em clínicas hospitalares ou CAPS (Centros de Atenção Psicossocial), do Sistema Único de Saúde ou ainda em Comunidades Terapêuticas.

As clínicas hospitalares são espaços privativos e que frequentemente aceitam planos de saúde. Uma boa clínica hospitalar oferece equipe multidisciplinar, com médico 24 horas, grupos terapêuticos incluindo os de 12 passos, equipe de enfermagem e de farmácia, plantão terapêutico, terapeutas ocupacionais, educação física, segurança e alimentação de qualidade entre outros itens.

Conforto

Conforto também é um item importante, uma vez que o objetivo final da internação é a recuperação e não há como se oferecer uma verdadeira oportunidade de recuperação sem conforto também físico. Afinal, o paciente precisa estar apto a participar ativamente de uma série de terapias em que construirá internamente novos padrões de pensamento, uma nova e mais equilibrada forma de ver a vida.

Nesse modelo de assistência, os pacientes não participam dos trabalhos de manutenção dos espaços, havendo equipe própria para o desenvolvimento diário de tais tarefas. Outro ponto importante a se ressaltar é que clínicas hospitalares normalmente não estão associadas a qualquer tipo de religião e os pacientes podem exercer livremente suas escolhas nesse sentido.

A internação em uma clínica hospitalar pode ainda ser voluntária ou involuntária, assunto de nossa próxima postagem – segunda, dia 5/12 – com explicações mais específicas.

Comunidades terapêuticas

Já as comunidades terapêuticas têm um outro perfil de assistência. Elas oferecem comumente grupos de autoajuda, como os de 12 passos, e é da cultura de tais espaços o envolvimento do paciente no trabalho diário de manutenção das instalações da comunidade, cozinha, horta etc. Outra característica é que as comunidades frequentemente pertencem ou têm forte conexão com religiões variadas.

As comunidades oferecem internações apenas voluntárias, não sendo habilitadas – especialmente por não oferecerem médico 24h – às internações involuntárias. Isso quer dizer que os pacientes podem ir e vir quando quiserem, sem restrições.

Caps

HÁ ainda os Centros de Atenção Psicossociais (Caps), instituições governamentais que vieram em substituição aos hospitais psiquiátricos. São unidades de saúde regionalizadas que oferecem atendimento de cuidados intermediários entre o regime ambulatorial e a internação hospitalar, em um ou dois turnos de 4 horas por equipe multiprofissional, constituindo-se também em porta de entrada da rede de serviços para as ações relativas à saúde mental.

Cada caso é um caso

Qual o melhor? Depende do que o paciente em questão precisa, são perfis institucionais diferentes para necessidades diferentes. Interessante conversar com seu médico e discutir qual o modelo mais adequado.

Existem lugares ruins, péssimos onde ninguém deveria entrar? Sim, ainda existem, infelizmente. Por isso, buscar indicações é importante, tanto por parte de médicos como de famílias que já passaram por uma experiência semelhante.

O que não se pode é esperar mais e mais por algo que precisa de atenção adequada imediata, preservando o quadro de saúde do paciente e evitando possíveis desdobramentos desnecessários.

Peça ajuda, procure informações e dê o start necessário para viver com mais satisfação e plenitude.

Clínica Hospitalar Novo Nascer
Rua Cristine Albert, 752 (Estrada da Mumbeca), Aldeia, Camaragibe
(081) 97316-3700 e (081) 4101-3201
www.facebook.com/novonascer
www.instagram.com/novonascer
www.novonascer.com.br