Muita gente já ouviu falar, mas nem todo mundo sabe como funciona realmente a biodança. Em Aldeia, desde 2010 existe a Escola de Biodanza Aldeia dos Camarás, e este mês (no dia 25/2) vai haver uma aula aberta para quem se interessar em conhecer a terapia. Logo depois do Carnaval começam as sessões semanais regulares, sempre nas segundas-feiras à tarde na Pousada Aldeia dos Camarás, no km 2.

Lorena, a facilitadora
Lorena, a facilitadora

“A biodança é indicada para todas as pessoas que buscam o autoconhecimento e a melhoria da qualidade de vida pela experiência do movimento. Ao desbloquear as energias, a biodança permite a expressão das emoções e a melhora questões psicossomáticas, dores no corpo, problemas estomacais, insônia, falta de coragem, falta de motivação, irritação, timidez, entre outras”, explica Lorena Oliveira, fisioterapeuta e facilitadora de biodança há 23 anos.

biodança

Ela conta que a Escola de Biodanza Aldeia dos Camarás funciona no Núcleo Rotary de Desenvolvimento Comunitário Mister Fryer (antiga Creche Mr. Fryer), no Vera Cruz. Lá são formados profissionais para serem facilitadores de biodança. O curso dura três anos e ocorre durante um fim de semana por mês. Com a condução pelos próprios alunos, lá também são oferecidas vivências para a comunidade.

💃🏻💃🏽💃🏿Aula aberta de biodança
25/2, das 15h às 17h30, na Pousada Aldeia dos Camarás (km 2, entrada ao lado da FOP).

As turmas regulares de biodança terão início no dia 11 de março e a mensalidade será de R$ 200.
📞 Mais informações: Lorena Oliveira (081) 99168 0383.