Há coisas que só Aldeia tem. O drive-trhu de frutas e verduras de Seu Bezin, em frente à EIA, por exemplo, é coisa nossa. Em que outro lugar a pessoa encosta o carro numa barraquinha e, sem nem precisar saltar do carro, escolhe as frutas e verduras e é servido pelo barraqueiro?

José Francisco dos Santos tem 52 anos, mora no Rachão, é bastante conhecido dos moradores de Aldeia, especialmente dos pais e alunos da Escola Internacional, onde trabalhou por muitos anos como jardineiro. Ele vive no bairro há 27 anos, e é testemunha ocular das mudanças ocorridas por aqui nestas quase três décadas.

“Isso aqui era tão parado que até pra pegar um carro era difícil. Não tinha movimento nenhum. Pra mim as coisas melhoraram muito”, opina Seu Bezin, cujo apelido foi dado pela mãe quando ainda era bebê.

Seu Bezim entrega os produtos no carro
O barraqueiro, figura conhecidíssima em Aldeia, entrega os produtos no carro do cliente. Foto: Tatiana Portela

Seu Bezin se acorda antes do sol nascer, todos os dias, para trabalhar. Ele chega por volta das 4 horas no estacionamento da EIA, onde guarda a barraca e alguns materiais, e começa a arrumar as coisas. Um colega que às vezes trabalha com ele segue para a Ceasa para trazer produtos frescos, enquanto Seu Bezin aproveita o fluxo de pessoas saindo para o trabalho e vende café, bolo e bolacha.

Quando o movimento dos alunos tem início, por volta das sete da manhã, e na hora da saída do colégio, ele consegue as melhores vendas do dia. Além de uma boa variedade de frutas da época, verduras e raízes, ele vende ovos, goma de tapioca, tarecos e milho assado e cozido.

Superando momentos de altos e baixos (crises econômicas, greve dos caminhoneiros), a barraca de Seu Bezin continua firme e forte, atraindo os consumidores apressadinhos que muitas vezes não querem nem ter o trabalho de sair do carro para escolher suas compras. É só dizer o que precisa e o esforçado comerciante entrega o produto nas mãos do cliente.

bezim posa para foto
Orgulhoso, Seu Bezim conhece bem o bairro e tem muitos amigos por aqui. Foto: Tatiana Portela

Publicado em 18/5/2017 e atualizado em 06/08/2018