O guia de escolas particulares de Aldeia chega hoje ao sexto capítulo, com a Escola Waldorf Aquarela, que atualmente tem turmas do maternal ao 3º ano do fundamental. Lembramos que todas as escolas receberam os mesmos questionários e o perfil de cada uma está sendo veiculado ao longo desta semana.

Escola Waldorf Aquarela
Estrada de Aldeia, km 4,5 – Entrar na rua Humberto Teixeira (entrada da Gráfica PE Impressão Digital), depois primeira à esquerda.
(81) 9 9954-9294
facebook.br/ewaquarela
Responsáveis: A organização administrativa da escola segue o princípio da autogestão. Não há um único dono ou diretor, mas conselhos. Os professores são plenamente responsáveis pelos seus procedimentos pedagógicos, trabalhando sempre em equipe.

Sua personalidade jurídica é uma associação sem fins lucrativos, da qual participam professores, pais, e aqueles que sentem afinidade com os seus propósitos educativos e culturais. Esta filosofia, ou tipo de gestão que dela provém, não muda em nada quaisquer responsabilidades pedagógicas, financeiras ou jurídicas.

A Escola Waldorf responde a todos estes níveis, como qualquer outra escola.
Contatos do Conselho Gestor: Silvia Rosa (81) 9 9633-7110 e Keyla (81) 9 9797-9779.

1. Qual a metodologia de ensino ou proposta pedagógica (resumido)?

A proposta pedagógica está pautada na Pedagogia Waldorf. Atua a partir da compreensão do ser humano considerando suas três grandes capacidades: a de agir (relacionado ao corpo), sentir (relacionado às emoções) e pensar (relacionado à mente). Assim, os professores na Escola Waldorf desenvolvem continuadamente um olhar profundo e individual sobre cada criança e cada uma de suas capacidades, para que o trabalho pedagógico busque a plena realização do seu potencial.

Para isso, propõe atividades plenas de sentido para cada um desses aspectos: o corpo é educado por meio de atividades práticas como culinária, jardinagem, marcenaria, construção, ginástica, trabalhos manuais, entre outras. A educação do corpo, tal como é praticada nas Escolas Waldorf, fortalece também o caráter da criança, pois desenvolve a sua força de vontade, criando nela qualidades como a disposição para enfrentar dificuldades, resiliência e a perseverança.As emoções são trabalhadas por meio do cultivo das relações interpessoais e também da arte: música, canto, desenho, pintura, literatura, teatro, recitação, escultura e cerâmica.

Por meio da expressão artística, são dadas muitas oportunidades para o refinamento da sensibilidade, e a harmonização de conflitos na área afetiva e social.A mente se educa na relação da arte e das atividades práticas, instrumentos também a serviço dos conteúdos curriculares sem dissociar pensamentos, sentimentos e ações, de modo que se torne um adulto equilibrado e coerente.Muitos tem dúvidas com relação ao currículo em uma Escola Waldorf.

Assim, vale dizer que todo o conteúdo indicado pelo MEC – Ministério da Educação, é dado e seguido. Mas a forma e a intensidade são bastante diferentes de outras escolas: no Jardim de Infância, o trabalho cognitivo não entra em conteúdos que não condizem com essa etapa do desenvolvimento infantil, mas com diversas práticas pedagógicas que fortalecem a fantasia infantil, a exemplo das brincadeiras de roda e do contato diário com os contos de fadas e histórias rítmicas ou curativas.

O ritmo diário respeita a necessidade da criança de vivenciar momentos de expansão – como o brincar livre no parque – e concentração – como atividades de aquarela, desenho ou trabalhos manuais. O espaço físico representa uma casa, com cozinha, sala, quintal. As crianças podem sentir o cheiro da comida no fogo enquanto brincam, como num “lar”.

A própria composição das turmas assemelha-se a uma família: crianças de idades diferentes – de 2 a 6 anos – convivem num mesmo grupo. Assim, os menores são estimulados pelos maiores, cujas habilidades almejam adquirir; e os maiores desenvolvem um senso de responsabilidade social, ajudando a zelar pelos menores.

Já no ensino fundamental, a vivência do currículo proporciona à criança uma visão ampla e viva das matérias – mesclando conteúdos teóricos e vivências práticas condizentes com a idade das crianças. O conteúdo de cada ano é dividido em temas principais que são ensinados durante três ou quatro semanas, de maneira intensiva, para que a criança absorva e aprofunde o aprendizado.

Idealmente, as crianças seguem com o mesmo professor durante pelo menos cinco anos do ensino fundamental, estabelecendo uma relação de confiança e admiração. Esse professor dá todas as matérias principais, e outros professores dão as matérias complementares, que são: trabalhos manuais (tricô, crochê ou bordado), música, jogos e línguas estrangeiras (em geral duas).

2. Que séries oferece?

Educação infantil: Maternal/Jardim de Infância e ensino fundamental: do 1º ao 3º ano, atualmente. A perspectiva é que a escola ofereça o primeiro ciclo do ensino fundamental (até o 5º ano) até 2020.

3. Número total de alunos e máximo de alunos por sala?

Total: 23 Máximo por sala: 15/20

4. Tem ensino integral? Quantas vezes por semana?

Para 2018, a proposta é oferecer o contraturno duas vezes por semana, às tardes. Podendo ser mais tardes, de acordo com a demanda.

5. Quais as atividades extra-curriculares que oferece? Estão incluídas no valor da mensalidade?

A escola oferece atividades de Yoga, Arte Circense, Natação e Capoeira, que não estão incluídas no valor da mensalidade.

6. Tempo de existência da escola?

2 anos.

7. Ensino de idiomas? Qual ou quais?

Sim, no currículo Waldorf estão incluídos um ou dois idiomas a partir do 1o ano. Atualmente oferece inglês e planejamos a inserção de mais um idioma, que pode ser o alemão ou espanhol.

8. Ensino de religião? Qual?

Não há ensino de nenhuma religião, mas a sua prática pedagógica é inteiramente voltada para o cultivo da reverência diante da natureza e do próprio ser humano. E para fortalecer esse cultivo nos respaldamos nas imagens arquetípicas presentes nas festividades do calendário cristão, como Páscoa, São João e Advento de Natal.

9. Oferece alguma atividade de educação ambiental?

Faz parte da proposta da pedagogia o trabalho com a terra, o cultivo de alimentos, horta, pomar, etc. É trabalhado de forma curricular no ensino fundamental, mas no Jardim de Infância o cuidado e a observação da fauna e da flora são uma experiência viva que permeia o cotidiano pedagógico.

10. Tem biblioteca?

Desde o segundo semestre deste ano começamos a receber excelentes doações de livros para a nossa Biblioteca, que está em construção e por isso aberta a novas doações. Alem disso, contamos com títulos especialmente selecionados que ficam à disposição das crianças dentro das salas de aula do Ensino Fundamental, uma prática que enriquece o processo de alfabetização e a relação das crianças com a leitura.

11. Tem cantina com produção própria? Que tipo de alimentos oferece?

A alimentação oferecida na escola busca ser o mais natural e orgânica possível. Para o jardim de infância, o lanche é produzido em sala de aula, com o envolvimento das crianças. Elas ralam coco, peneiram a goma de tapioca, produzem a massa do pão, e selecionam grãos para a granola. Cada família se encarrega de fazer a feira para a semana, em um esquema de rodízio. São oferecidos fruta, suco natural e um alimento como, por exemplo: tapioca, pão integral, granola, caldinho de legumes, macaxeira ou inhame. No Ensino Fundamental, cada criança leva seu próprio lanche, respeitando a orientação de uma alimentação saudável, não industrializada.

12. Se tiver algum outro diferencial, pode acrescentar!

A primeira Escola Waldorf surgiu em 1919, na Alemanha, sob a orientação de Rudolf Steiner, fundamentada na Antroposofia. No Brasil, a primeira Escola foi criada em 1956, em São Paulo, desde então o movimento expandiu-se com novas escolas em Aracajú, Belo Horizonte, Botucatu, Brasília, Curitiba, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, Friburgo, Juiz de Fora, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São Luiz, Manaus, Teresina, João Pessoa, Recife, Olinda, Igarassu, Camaragibe e Paudalho.No mundo, existem atualmente mais de 1092 Escolas Waldorf e cerca de 1857 jardins de infância, localizados em mais de 64 países, sendo assim um dos maiores movimentos educacionais de iniciativa popular e independente no mundo. Há um vídeo que retrata esse movimento no mundo em homenagem ao centenário da Pedagogia Waldorf (assista aqui).