Usar a música como caminho para a harmonia, a paz e a saúde mental. Esta é a ideia que permeia um evento que acontece nesta quinta-feira, 17, em Aldeia. O primeiro Aldeia Medita, encontro de meditação promovido pelo Mari Magliano Pilates (km 4,5), terá como convidado o multiartista Antúlio Madureira, que fará uma vivência de meditação sonora com tigelas de cristais de quartzo, a partir das 18h30. O ingresso custa R$ 30 e as vagas são limitadas.

Mariely Magliano, dona do estúdio e professora de pilates e ioga, conta que participou de diversas vivências de meditação sonora com Antúlio Madureia ao longo de sua carreira e por conhecer o valor das vibrações sonoras na facilitação do processo de meditar, teve a ideia de convidá-lo para o evento de amanhã.

Biomagnetismo: terapia holística por ímãs, agora em Aldeia

“Vai ser um evento bem bacana, que vai começar com um pouco de ioga, pra baixar o nível energético das pessoas, depois uma introdução na prática da respiração, e então a meditação propriamente dita. É um momento indicado pra quem já medita e pra quem quer aprender a meditar”, avisa. Segundo ela, o evento, incluindo uma roda de conversa no final, deve durar em torno de uma hora e meia.

Medicina e música

Nascido no Rio Grande do Norte e morando no Recife desde os 7 anos de idade, Antúlio é de uma família de músicos, foi passista do Balé Popular do Recife, estudou no Conservatório Pernambucano de Música e na Escola de Belas Artes, é formado em Música pela UFPE e há quatro anos vem pesquisando os sons das tigelas de cristal de quartzo (tigelas tibetanas), gongos e objetos da natureza como ferramentas terapêuticas. Ele tem um consultório no RioMar Trade Center, onde também atende com acupuntura e reprogramação com cristais de silício.

“Tenho me interessado muito em estudar essa relação da música com a medicina chinesa. As frequência musicais reverberam tanto na parte física quanto na parte emocional, podendo servir como diagnóstico e tratamento e variando de pessoa para pessoa”, explica Antúlio. Na meditação, por exemplo, o som das tigelas ajuda as pessoas a anularem o excesso de pensamentos, causando um relaxamento profundo”. O evento de amanhã será uma boa oportunidade para se conhecer na prática como isso funciona.