Um grupo de cães conhecidos como “Os Cães do Oitenta”, por terem sido encontrados na comunidade do Oitenta, em Aldeia, está se preparando para começar uma nova vida ao lado de quem queira adotá-los. Deixados à própria sorte depois que sua dona se mudou do local por falta de condições físicas e financeiras – em agosto do ano passado – os sessenta cães vêm sendo cuidados por voluntários que se mobilizaram para prepará-los para uma vida melhor.

Os "Cães do Oitenta" têm até uma logomarca
Os “Cães do Oitenta” já têm até uma logomarca

“Desde que soubemos do que aconteceu a eles temos mobilizado pessoas de Aldeia e conseguido apoio para castrar, alimentar e medicar os animais. Muitos deles estavam em péssimas condições de saúde, mas já estão bem melhores e se preparam para a adoção. Para isso, também fazemos um trabalho de socialização, pois esses cães não estavam acostumados com a presença humana nem a usar coleiras”, explica Alessandra Chaves, uma das voluntárias.

Quer ajudar os “Cães do Oitenta”? Vai ter mutirão na quarta (27)

A ajuda da comunidade tem sido grande. Veterinários e petshops têm doado tempo e produtos, moradores têm doado dinheiro e se organizado em mutirões de limpeza, e a Vigilância Sanitária de Camaragibe também tem dado apoio ao grupo.

Cartaz da Feira de Adoção do dia 27 de janeiro
Cartaz da Feira de Adoção do dia 27 de janeiro

A Feira de Adoção vai acontecer no último sábado de janeiro, dia 27, das 8 às 16h na Praça de Camaragibe. Vinte e cinco cães estarão disponíveis, todos castrados, vacinados e sociabilizados. Nenhum deles tem menos de um ano de idade. “Queremos muito conscientizar as pessoas de que cães adultos também se adaptam bem aos seus donos. Eles são muito carentes e rapidamente se tornam grandes companheiros”, ressalta Alessandra.