Sempre-viva, ipê, beldroega, pata-de-vaca…você sabia que essas flores, além de lindas, são também comestíveis? Sim, e neste domingo, 22/4, você poderá aprender muito mais sobre o assunto no curso que a agrônoma Simone Miranda vai ministrar em Aldeia.

Os hibiscos são muito apreciados, tanto na salada, como para preparo de chás
Os hibiscos são muito apreciados, tanto na salada, como para preparo de chás

“Muitas flores a gente tem no jardim e nem sabe que são comestíveis. Elas têm um sabor leve e delicado e podem ser usadas tanto em pratos frios como em assados e fritos”, explica Simone. Segundo ela, a grande vedete entre as flores comestíveis é a flor de abóbora, mas fazem muito sucesso também as do quiabo, dos trevos, os hibiscos e uma infinidade de outras fáceis de encontrar em nossa região.

Bonsai: a arte de plantar árvores em miniatura

Mas cuidado, não vá sair por aí colhendo flores para o lanche! Muitas são tóxicas e, dependendo de onde estão plantadas, podem estar contaminadas com agrotóxicos e metais pesados. O mais indicado é consultar um especialista e só ingerir as que são comprovadamente indicadas para o consumo humano.

Mais informações:
(081) 99769-5236
Face: /melihortas
meliponini@oi.com.br