Se você trabalha com terapias sistêmicas ou simplesmente deseja se aprofundar numa jornada ao autoconhecimento, uma boa oportunidade vai ser o evento “A arte de ser: retiro com constelação sistêmica”, que acontece de 30 de novembro a 2 de dezembro no Espaço Plêiades (km 17,5 da Estrada de Aldeia).

Leia também:

Aldeia vira polo de terapias holísticas 

Xamanismo e ayurveda em espaço holístico de Aldeia

A facilitadora será a arte-terapeuta mineira Hellaine Fontoura, criadora de uma metodologia de constelação que usa bonecos que se encaixam (como matrioskas) representando as “almas” que compõem um sistema, seja pessoal, familiar, social ou profissional. A ferramenta, que ela criou e denominou “Almário”, fez tanto sentido que hoje ela viaja pelo Brasil divulgando e capacitando outros profissionais na manipulação dos bonecos.

Hellaine Fontoura, criadora dos "almários"
Hellaine Fontoura, criadora dos “almários”

“Nosso objetivo é fazer as pessoas baixarem as armas, tirarem de suas vidas aquilo que não tem mais sentido e acessarem o que tem dentro de suas almas”, resume Hellaine.
Na segunda-feira, dia 3/12, ela promoverá no mesmo local o workshop “As ordens do amor”, durante o qual haverá constelação sistêmica para questões individuais.

A arte de ser: retiro com constelação sistêmica
Espaço Plêiades, km 17,5 (entrada de Águas Finas, Aldeia)
Das 17 h de sexta (30/11) às 17h de domingo (2/12)
Investimento: R$ 1.016,00 (inclui constelação individual + hospedagem + refeições)
Formas de pagamento: R$ 1.016,00 em até 3 vezes ou R$ 980,00 à vista

As ordens do amor: workshop com constelação sistêmica
3 de dezembro de 2018, segunda, das 13 h às 18h
Investimento por participante: R$ 125,00. Para ser Constelado: R$530,00 (inclui participação no workshop com Constelação de questão individual durante o workshop).
Formas de pagamento: R$ 530,00 em até 2 vezes no cartão ou R$ 494,00 à vista

Inscrições e informações:
Renata Vinhaes \ WhatsApp (081) 98745 0521
Email: renatavinhaespsi@gmail.com