Para quem quer criar uma rotina de atividades físicas, participar de atividades em grupo pode ser um grande incentivo. Todas as terças e quintas-feiras, ciclistas de várias idades e lugares se reúnem às 20h na praça de eventos de San Martin. 

É o ponto de encontro oficial do grupo Pedala San Martin, que organiza os passeios todas as semanas, com equipe de apoio, regras de segurança e muita disposição para pedalar pela cidade.

Os passeios variam entre os níveis iniciante, intermediário e avançado. As terças-feiras são a ocasião ideal para quem está começando a criar ritmo com sua bike e também para levar crianças, pois é o dia em que normalmente acontecem os passeios para iniciantes. 

“Dia de terça a gente chega a cinquenta, sessenta bikes por passeio”, conta Júnior Chagas, coordenador do Pedala San Martin. Tanto o trajeto quanto a velocidade do percurso são definidos de acordo com o perfil do grupo em cada dia. 

“Tudo é organizado com responsabilidade, porque hoje em dia é difícil você estar no trânsito disputando com os carros”, explica Júnior.

(foto: divulgação/ Pedala San Martin)

Já nas quintas-feiras, o ritmo é mais pesado e a quantidade de bicicletas acaba sendo menor que nas terças, pois nesses dias acontece o passeio intermediário, com velocidade média de 20 a 25 km/h, em trajetos de até 30 km. 

O nível avançado normalmente acontece em passeios especiais, mais longos, até cidades como Caruaru, Bonito e Goiana. Nessas ocasiões, eles contam com apoio de vans para manter os ciclistas hidratados, com água, frutas e energéticos, ou para pendurar a bicicleta e descansar caso não aguente o percurso inteiro. 

Nos passeios mais longos, o grupo se articula com outros grupos do Recife e de outras cidades de Pernambuco, como é o caso do Bonde Caxangá, que se reúne na altura da Av. Inácio Monteiro, no Cordeiro, e que foi junto com o Pedala San Martin e três outros grupos até a Reserva Ecológica Aparauá em Goiana, no último domingo (5). 

Juntos também organizam trilhas ecológicas e até confraternizações com feijoada coletiva, por exemplo.

(foto: divulgação/ Bonde Caxangá)

A maioria dos passeios é gratuita, exceto em encontros especiais comemorativos, ou mais longos e que precisem de um apoio mais completo. Mas para participar, é necessário atentar para alguns cuidados básicos: usar capacete e sinalizadores na bike, calçar tênis, manter bicicletas revisadas, pneus calibrados e se possível dispor de câmara de ar reserva. 

Além disso, as regras para o passeio em grupo definem que o melhor é sempre andar dois a dois e sempre avisar aos demais quando avistar buracos. As medidas de segurança são muitas. 

“A gente trabalha com rádio, colete, batedores, guias, tudo organizado”, conta Júnior que, com sua equipe, prepara tudo para você ter um passeio seguro, saudável e divertido.


O jornal de bairro evoluiu. No PorAqui, você encontra estações de conteúdo hiperlocal e colaborativo.

Para baixar o aplicativo: Android e iOS

Sugestões e colaborações: zonaoeste@poraqui.news