Férias chegando, hora de ir à praia e/ou às festinhas com a galera. Se puder dar uma chegada nas amizades com uma roupa nova ou pelo menos inédita, vai ser massa, né. Uma boa pedida são uns brechós que o PorAqui achou em Boa Viagem. E lá não tem roupa só pra mulher não, visse.

Além de ser útil para quem quer desapegar, os brechós funcionam como boas opções para se comprar roupa boa em bom estado e com preço mais em conta, desenvolvendo o consumo consciente e a sustentabilidade. E ainda rola uma graninha para quem fornece os produtos a essas lojas.

Conheça os brechós

Brechó Dona Quitinha
Rua Antônio Vicente, 544
Telefone: (081) 3328-3149
Seg a sex, das 9h às 18h e não fecha para almoço
Sáb, das 9h às 13h

 

Funcionando há 15 anos, a loja trabalha com peças masculinas e femininas para adultos. São roupas, acessórios, calçados, óculos, chapéus. No estoque, possui atualmente centenas de peças, que são vendidas a partir de R$ 10.

Além disso, oferece serviço de costura, tanto para ajustes quanto encomenda de fantasias para o Carnaval, por exemplo. Ajustes simples nas peças comercializadas na loja não são cobrados. Ela recebe itens em bom estado no sistema de consignação com 70 dias de contrato.

Brechó da Mika
Av. Conselheiro Aguiar, 4880, sala 24, Galeria Praia Sul
Telefone: (081) 98601-1221
Seg a sex, das 9h às 18h, com parada para almoço, das 12h às 13h
Sáb, das 10h às 17h

Nesta, o foco é nas peças para o público feminino, mas oferece algumas opções para homens. As de grife são as mais procuradas, das marcas Farm, Cantão, Animale, Ellus e Calvin Klein. Os itens vão de bijuterias a vestidos de festa, passando por calçados, bolsas e miudezas.

O brechó apresenta novidades toda semana com peças novas e seminovas, a partir de R$ 15. Possui fornecedor fixo de São Paulo, mas recebe produtos de vendedoras locais em consignação durante 30 dias.

Keep Calm Brechó
Rua dos Navegantes, Boa Viagem
Telefone: (081) 98873-8384
Atende por hora marcada

A dona, Rejane Candioto, atende dentro de seu apartamento, na Rua dos Navegantes, e por isso adota o esquema de hora marcada pelo telefone. Na ligação, as clientes já dizem o que estão procurando e marcam o encontro, no qual a anfitriã já mostra os produtos direcionados. Mas claro que ela sugere outras opções de compra também.

O preço dos itens variam de R$ 5 a R$ 60, tirando os vestidos de festa, que têm o preço mais elevado. Mesmo assim, Rejane assegura que se pode encontrar peças de festa por R$ 80.