Quando a gente toma um cafezinho que seja, a preguiça vai embora, os problemas são encolhidos e o nosso tamanho se agiganta. Quando a pausa é dada numa cafeteria de rua, além de a gente ter a oportunidade de respirar outro ambiente, o café é melhor preparado. O PorAqui conversou com Lidiane Santos, barista e sócia do Kaffe Torrefação e Treinamento, em Boa Viagem. Ela deu todas as dicas pra a gente fazer em casa.

11 cafés em Boa Viagem com opções de gostosuras

O método de filtragem escolhido foi o filtro de papel tradicional, que é mais fácil de ser encontrado. Mas o preparo começa bem antes. Já na escolha do pó. “É importante saber que o café encontrado nos supermercados, geralmente, têm maior intensidade do que o pó vendido nas cafeterias”, comenta Lidiane.

“Também é bom evitar o tipo extra forte e as embalagens fofinhas (que não são a vácuo). O primeiro porque geralmente é com a torra mais queimada. O segundo ponto é porque o oxigênio que vem dentro da embalagem vai reagindo com o pó que está lá dentro, e o café vai envelhecendo”, explica a barista, que ainda aconselha consumir um pacote de café em até duas semanas.

Para evitar o envelhecimento do pó em contato com o ar, a dona do Kaffe ainda aconselha que o café seja mantido na mesma embalagem e que esta seja diminuída à medida que o pó for consumido.

Preparo

Foto: Kaffe Torrefação e Treinamento/Facebook

Pronto! Agora vamos para o café.

Enquanto a água está no fogo, dobre o coador de papel e coloque no filtro e em cima da garrafa.

Molhe o filtro com a água fervida, para que saiam as impurezas que possam ter no papel.

A dosagem do pó tem que ser entre 6 e 10 gramas para cada 100 ml de água. “Como quase ninguém tem balança, a medida é semelhante a uma colher rasa para cada 100 ml”, indica Lidiane.

“Ao derramar a água, é bom que se faça movimentos circulares, para movimentar o pó e assim aumentar a probabilidade de queimar tudo. Agora esse processo tem que ser lento, porque quanto mais tempo a cafeína passar em contato com a água mais ela vai dissolver”, ensina.

“Dependendo do ponto de torra do café e da intensidade da bebida que se deseja fazer, é possível realizar alterações na receita e na proporção aplicada”, completa.

Kaffe

Loja oferece cursos de barista e harmonização com café. (foto: Kaffe Torrefação e Treinamento/Facebook)

Mas quem quiser tomar o café da fonte dessa receita pode procurar Lidiane no Kaffe Torrefação e Treinamento, que fica na Av. Conselheiro Aguiar, 2178, em Boa Viagem. Lá, além de diversos métodos de preparo do café, a gente encontra utensílios para preparar a bebida em casa e ainda bate um papo com os baristas da casa sobre preparo, harmonização, etc. O local funciona de domingo a domingo, das 13h às 20h.