Conhecido pelas denúncias de propaganda irregular durante a campanha eleitoral de 2016, o vereador Romero Albuquerque (PP) subiu à tribuna da Câmara dos Vereadores do Recife, na última segunda-feira (5), para reclamar da propaganda feita pelos carros que vendem ovo em toda a cidade. O pedido dele é para que a Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) regule os horários de circulação e volume do som.

O vendedor de ovos por trás do jingle ‘Economize comprando e compre economizando’

“É de manhã, das 6h, até a noite. Os moradores estão com dificuldades. Não quero prejudicar o comércio de ninguém, mas é preciso regulamentar horários. E será que esse som não está mais alto que o normal?”, reclamou, afirmando que os veículos têm causado transtornos na região da Av. Boa Viagem e ruas paralelas.

O parlamentar é o mesmo que enfrentou um processo e quase teve seu mandato cassado pela Justiça Eleitoral por ter sido acusado de impulsionar propaganda eleitoral em redes sociais durante a campanha de 2016 — o que era proibido pela legislação.

Ele chegou a ser cassado em primeira instância pela juíza Maria Thereza Paes de Sá Machado, da 1ª Zona Eleitoral. No entanto, o pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) acatou o recurso por entender que o ordenamento jurídico não prevê cassação de mandato para quem comete esse ilícito.