Assim que entrei na sala com incenso e música new age, recebi um abraço caloroso da coordenadora do espaço Pura Luz Yoga, Ma Prem Zaki. Com uma relação intensa e próxima com a Índia – país que visita pelo menos duas vezes ao ano há mais de duas décadas -, Zaki é uma estudiosa da milenar medicina ayurveda, que busca tratar o paciente como um todo. E o lado estético não fica de fora – mas está integrado a tudo mais, corpo, mente, alma.

A visita era para conhecer o tratamento facial, que tem como principal objetivo o rejuvenescimento da face. Mas, antes de aplicar os produtos, Zaki faz um diagnóstico da pessoa, o que é essencial para saber como vai dar prosseguimento à sessão. “O rosto contém todas as terminações nervosas do corpo. Então, se é uma pessoa que guarda raiva, mágoa, que não expressa isso, vamos trabalhar a região do maxilar, por exemplo”, diz, baseada na medicina ayurveda.

Empório Pura Vida agora em Casa Forte e com os mesmos preços do centrão

A conversa inicial tem um pouco de terapia, um pouco de esoterismo. “Olho para uma pessoa e já sei muita coisa sobre ela só observando a postura, o corpo, a pele”, diz Zaki. “Você usa muito seu lado esquerdo. É uma pessoa que demora para confiar nas pessoas”, disse. Sim, acertou. E isso é bom para uma jornalista, certo?

Mas não há repreensão ou julgamento na voz de Zaki ao enquadrar alguém assim de cara, só pelo seu jeitinho de se sentar. Para ela, é tudo baseado em décadas de estudo da medicina indiana – ela é discípula do guru Osho, que recentemente ganhou mais evidência no controverso documentário da Netflix Wild, wild country. “É uma série parcial, editaram muitas falas dele”, lamenta Zaki. Ainda não assisti.

A coordenadora do Pura Luz, Ma Prem Zaki. Foto: Divulgação

Uma profusão de aromas

Não importa se você tem uma postura cética, se é esotérico ou está no meio do caminho. O tratamento facial, que consiste na aplicação de cremes, óleos, máscaras e massagem, é uma delícia não só para a pele, mas também para o olfato. Muitos produtos são trazidos direto da Índia, como a água de rosas, que tem um aroma espetacular.

Poço da Panela vai ter aulas gratuitas de alongamento, dança e funcional

O tratamento demora mais de 1 hora e é um momento relaxante. Logo após a primeira sessão, algumas mudanças são perceptíveis: pele mais lisa e mais firme. A depender do motivo para o tratamento, outras sessões são indicadas – e podem ir além da face, como a colonoterapia, por exemplo. “Fazemos uma limpeza dos intestinos. As toxinas que estão ali podem comprometer a saúde da pele”, diz Zaki.

Sede do Pura Luz Yoga, em Casa Forte. Foto: Divulgação

No Pura Luz, que funciona há quase dois anos em Casa Forte, são recebidas pessoas com vários problemas de pele, como rosácea, acne, psoríase, que não encontraram cura em tratamentos tradicionais. Além dos tratamentos feitos no espaço, mudanças no estilo de vida e na alimentação também são indicadas.

A primeira sessão, que inclui o diagnóstico, é a mais cara e custa R$ 230. As demais saem por R$ 150. O espaço também oferece aulas de yoga, acupuntura, tem uma loja com roupas indianas e toda quarta-feira, às 20h15, tem um grupo de práticas totalmente gratuito. Vale a pena conhecer.

Pura Luz Yoga
?Rua Visconde de Ouro Preto, 131, Casa Forte
?Telefone: 3097-5184