Primeiro filme como diretora da atriz Leandra Leal, o documentário Divinas Divas entra em cartaz nesta quinta (29), no Cinema do Museu, dentro da programação da Sessão Vitrine Petrobrás. Na sinopse: Rogéria, Valéria, Jane Di Castro, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios formaram, na década de 1970, o grupo de travestis que revolucionou o comportamento sexual brasileiro e desafiou a moral de uma época.

O filme acompanha o reencontro das artistas para a montagem de um espetáculo, trazendo para a cena as histórias e memórias de uma geração. Divinas Divas foi contemplado com vários prêmios em festivais pelo Brasil, entre eles o Prêmio de Melhor Filme da Mostra Global do SXSW, nos EUA, o Prêmio Felix e Melhor Documentário pelo Voto Popular do Festival do Rio 2016, além de Melhor Direção e Melhor Filme pelo Júri Popular No Festival Aruanda 2016, na Paraíba.

Também entra em cartaz nesta quinta (29) a ficção francesa Na Vertical. Dirigido por Alain Guiraudie, o longa conta a história de Leo, que está à procura de um lobo e durante uma caminhada no sul da França conhece Marie, uma pastora de espírito livre e dinâmico. Nove meses depois, nasce o filho dos dois. Sofrendo de depressão pós-parto e sem fé em Leo, que vai e vem sem aviso, Marie os abandona.

Leo encontra-se sozinho com um bebê para cuidar. Através de uma série de encontros inesperados e incomuns, o filme apresenta várias camadas subjetivas que nos apresentam a natureza, o sexo, o onírico, a velhice, a morte, a complexidade da vida.

Continuam em cartaz pela segunda semana os filmes Mulher do Pai, de Cristiane Oliveira, a ficção francesa As Falsas Confidências, de Luc Bordy e A Vida Após a Vida, de Zhang Hanyi.

Confere os horários das sessões e programe-se: