Após quase uma década sem manutenção, a Igreja Matriz de Casa Forte, na Zona Norte do Recife, iniciou um processo de reforma na última quarta-feira (3). Por causa disso, a Igreja ficará fechada durante os meses de janeiro e fevereiro até a conclusão da primeira etapa da obra, que contempla a restauração das portas e janelas.

A primeira fase está sendo viabilizada com recursos adquiridos por meio doações dos paroquianos e voluntários. Para dar continuidade às próximas fases, a paróquia espera contar com a ajuda da sociedade pernambucana para executar a obra, que está avaliada em R$ 500 mil.

Foto: Rafael Carneiro/Rádio Jornal

Estão previstas a construção de rampas de acessibilidade, ampliação dos banheiros, melhoria da iluminação e acústica, pintura interna e externa, além de climatização do prédio e reparo das inflitrações.

De acordo com o pároco Deyvison Soares, a previsão para terminar a obra vai depender das doações. A primeira etapa precisa ser feita com a igreja fechada, mas a ideia é ir conciliando os próximos passos  com as atividades religiosas novamente na igreja.

Como doar

As doações para a Campanha Mutirão do Amor podem ser feitas por meio de depósito no Banco do Brasil, agência 2802-9, conta corrente 86.713-6. O CNPJ vinculado à Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Casa Forte é o 01.709.778/0001-37.

Horário das missas

Enquanto estiver fechada para que as obras sejam realizadas, as missas dos sábados e domingos serão oferecidas nos mesmos dias e horários, só que na capela do Colégio Sagrada Família, ao lado da Matriz de Casa Forte, nos horários de costumes.

Foto: Marina Suassuna/PorAqui

As celebrações durante a semana vão ser divididas entre as igrejas das sete comunidades que formam a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, entre elas a Igreja Nossa Senhora da Saúde, no Poço da Panela, a do Vila Vintém, em Parnamirim e a de Santana. As cerimônias acontecem sempre às 19h.

*Com informações do JC Online e Rádio Jornal