A Praça de Casa Forte é ponto turístico e gastronômico na Zona Norte do Recife. Com uma vegetação exuberante – foi um projeto do arquiteto e paisagista Roberto Burle Marx – a Praça é tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) desde 2015.

Para esse roteiro, não vamos nos afastar da Praça. Tudo aqui está do lado direito, esquerdo ou na parte de trás da Praça. Divirtam-se!

Para uma noite especial

Dois dos restaurantes mais festejados do Recife ficam bem da frente para a Praça. Com clima super intimista, o italiano Pecora Nera fica em uma casa do lado direito da PraçaDo outro lado, o Nez Bistrô, de culinária francesa e italiana.

A casa onde funciona o Nez Bistrô inclusive é tombada, já que lá funcionou parte da senzala do Engenho Casa Forte, de Ana Paes, onde surgiu o bairro.

LEIA TAMBÉM
Um roteiro turístico pra curtir Casa Forte e Poço a pé

Para uma noite entre amigos

Dá sim para beber, comer e gastar pouco na Praça de Casa Forte. E o nome deste lugar é o Box Vitória Régia: chopp (de 500 ml!) Bossa Nova, levinho, por R$ 5. Hambúrguer artesanal a partir de R$ 10. Tem jukebox e fica aberto até de madrugada!

LEIA TAMBÉM
Nez Bistrô: a tradição da cozinha franco-italiana em Casa Forte

O bar fica na Galeria Casa Forte, onde também tem outros estabelecimentos no precinho, com pizza, empada, temaki, açaí. Tudo no mesmo lugar e com os garçons atendendo todas as mesas.

O Na Praça também é uma boa opção. Com um terraço grande e disputado, tem sempre alguma promoção por lá. Nas sextas-feiras, a Devassa de 600ml sai por R$7,90. De vez em quando tem música ao vivo.

Para um sábado produtivo e tranquilo

Vamos fazer feira? O sábado é o dia mais tradicional para reabastecer a casa com frutas e verduras. A partir das 4 da manhã já tem movimento dos feirantes na praça, que recebe a feirinha agroecológica, só com itens orgânicos, até umas 11h.

LEIA TAMBÉM
Kombi O Meu Jardim vende plantas a partir de R$ 15 na Praça de Casa Forte

Tem também uma feirinha paralela, que estava ameaçada de sair do local, mas ficou. Por lá, dá para levar para casa massas italianas, mel de abelha, doces artesanais, granola, entre outras delícias.

Depois de fazer a feira, que tal um café da manhã? Tem a padaria Delícias da Praça (perto da igreja, lado direito) e o Café São Braz. Tem também a Livraria da Praça de Casa Forte, que abre às 10h.

Para uma tarde descompromissada

Se você só quer dar uma voltinha, sem grandes pretensões, vá curtir o fim de tarde. Nesta hora, alguns frequentadores aproveitam para fazer caminhada pela calçada da Praça. É uma ótima hora também para tirar fotos, sentar nos bancos e ler um livro.

Se der fome, os três locais do café da manhã estarão abertos (São Braz, Delícias da Praça, Livraria da Praça de Casa Forte). Ou você pode comer uma tapioca, um açaí ou um sanduíche no amplo terraço do Na Praça  e no açaí ao lado.