No próximo dia 1º de novembro, atletas de bicicleta fixa que atuam em 21 estados brasileiros e até um paulista que mora em Barcelona se encontram no Mercado da Encruzilhada, na Reciclo Bikes, para dar início à Fixolimpíadas. Pela primeira vez, o mais importante evento brasileiro desse tipo de bike será realizado no Nordeste.

Mas o que é uma bicicleta fixa? São aquelas em que os pedais se movem o tempo todo junto com as rodas, não tem roda livre e são muito comuns pela agilidade que proporcionam aos ciclistas, mas também exigem um nível de atenção ainda maior porque, para frear, a pessoa tem que interromper o movimento com a força dos pés ou fazer o chamado skid (a velha rabiada, em bom pernambuquês ?).

Reciclobikes: um ateliê de bicicletas urbanas em pleno Mercado da Encruzilhada

Foto: Divulgação/Fixolimpíadas 

“Conseguimos trazer a Fixolimpíadas para Recife numa virada histórica, com o apoio de grupos de pessoas que andam de fixa em Manaus e Fortaleza”, conta Pat Quintella, uma das sócias da Reciclo Bikes. Na votação, Recife ficou com 649 votos, contra 487 do Rio de Janeiro e apenas 53 de Brasília.

Pat e Enio Paipa, da Hellcife Riders, estão envolvidíssimos na organização da competição, que tem sido feita por alguns poucos voluntários daqui e de fora do Estado. Ainda lutam para fechar alguns dos espaços pretendidos com o poder público e buscam patrocínios, mas o evento está confirmado e já tem mais de 60 competidores pagantes.

Provas

Também sócia da Reciclo Bikes e competidora da Fixolimpíadas, Maria Escorel explica que são cinco dias de “uma grande confraternização da galera que gosta do mesmo tipo de bicicleta. No dia 2, rola o Critério, que é a corrida de velocidade e a prova que mais gente treina para ganhar, mas na sequência tem também disputas de equilíbrio, habilidade e outras provas rápidas como o Sprint (300 metros de corrida).

O que não faltam, no entanto, são curiosidades. A Anticorrida é uma prova em que os competidores têm que seguir em linha reta, sem colocar o pé no chão e ganha quem chegar por último. Já o Maior Skid é a prova de quem consegue travar a roda por mais tempo no asfalto com a bicicleta em movimento. Vale a pena participar até para quem (ainda) não tem uma bike fixa!

Fixolimpíadas
Dia 1: Entrega dos kits e reunião dos atletas (1º de Novembro) – Reciclo Bikes
Dia 2: Critério – Kartódromo do Tamboril (ônibus sairão do Mercado da Encruzilhada)
Dia 3: Sprint  – Aeroclube (esperando autorização da Prefeitura do Recife)
Dia 4: Atividade Surpresa
Dia 5: Anticorrida, Peanut, Maior Skid, Free Style (Recife Antigo)

“Aqui tem um pouco de amor pela bicicleta misturado com a necessidade”