As ruas próximas à Encruzilhada estão ocupadas por uma diversidade de serviços. Você encontra vendedores de utensílios para celulares ou carros, vários tipos de comidas, profissionais que consertam quase tudo e também os lavadores de carro. Quem passa pelo Rosarinho já deve ter visto um movimento grande de veículos sendo lavados em alguns pontos e isso já faz parte da rotina do bairro. O PorAqui procurou saber como funciona, quais os serviços que oferecem, e claro, os valores.

No final da Rua Salvador de Sá, na esquina que fica em frente ao Posto BR, umas dez pessoas trabalham ativamente, não param de chegar novos carros e clientes. Os lavadores são moradores de bairros próximos, como o Alto Zé do Pinho, Vasco da Gama, dentro outros. Carlos Silva, um dos que realiza o serviço na área, comentou que encontrou ali uma profissão e um meio de vida honesto. “Para garantir minha renda no final do mês, muitas vezes trabalho de segunda a segunda”, conta.

Duas sugestões de comida de rua para os almoços de fim de semana

Rua Salvador de Sá tem ponto que reúne diversos lavadores de carros (Foto: Sueli Lucena)

Polir, lavar

A lavagem simples de um carro passeio custa R$20, se for um veículo maior sai a R$30. Já com polimento manual é R$30 e R$40, respectivamente. Eles também oferecem serviços mais específicos, como lavagem de motor (R$40), de banco (R$80), carpete (R$40) e teto (R$40). Os lavadores estão por lá de segunda a segunda, das 5h às 19h30.

Na Praça Visconde de Mauá, o movimento também é intenso. Sempre cheia de carros, os clientes aguardam sentados em cadeiras de plástico enquanto os veículos ficam prontos. São aproximadamente 20 pessoas trabalhando freneticamente.

Quem está à frente do serviço na praça é Rômulo dos Santos, morador de Água Fria. Ele conta que formou uma cooperativa de lavadores de carro e está nesse ponto há mais de 26 anos. A cliente Edeleuza da Silva garante que o serviço é bom. “Faz mais de 20 anos que venho lavar o carro aqui, gosto de ficar sentada na praça. O serviço é bem ágil, em meia hora está pronto”, afirma. A lavagem simples é R$15 para carro passeio e se for maior R$25, com polimento custa R$25 e R$30, respectivamente. O horário também é de segunda a segunda, das 7h às 18h.

Um leitor do PorAqui chegou a nos mandar uma mensagem reclamando dos lavadores de carro no Rosarinho. Em tempos de crise, é uma alternativa para quem não tem emprego. Mas e você o que acha desse serviço? Deixe sua opinião nos comentários.

3 padarias do Rosarinho que mantêm charme sem perder mercado