Com informações de Leo Vila Nova

Após a divulgação pelas redes sociais do vídeo de um assalto que aconteceu nesta segunda-feira (18), o PorAqui conversou com moradores do Rosarinho que deixaram claro que a sequência de crimes na localidade tem deixado todos preocupados. O veículo pode ter sido deixado em Jardim São Paulo, mas a informação não é confirmada pela Secretaria de Defesa Social (veja foto abaixo).

Segundo uma moradora da rua, no grupo de moradores do seu prédio recentemente circularam informações sobre três assaltos na área. “O pessoal estava comentando que o Rosarinho é segundo uma pesquisa o segundo metro quadrado mais caro do Recife, só perde para o Pina, então talvez tenha aumentado o número de assaltos depois disso”, conta, sem querer se identificar.

Imóveis de 5 bairros da Zona Norte entre os que mais desvalorizaram

As assessorias de imprensa das Polícias Civil e Militar ainda não confirmam a relação entre o crime ocorrido no Rosarinho e a violência ocorrida no fim da manhã de hoje nos bairros de Jardim São Paulo e do Barro.

Eles informaram ainda que a denúncia de roubos foi encaminhada aos comandantes do 11º e 13 Batalhão, para intensificar as rondas no local. Ainda segundo a PM, diuturnamente a Zona Norte recebe o policiamento motorizado das Patrulhas do Bairro e motopatrulhamento, com o apoio do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI). No entanto, reportagem do PorAqui em Jardim São Paulo fotografou o veículo deixado pelos assaltantes na Zona Oeste do Recife.

Onix foi deixado em Jardim São Paulo (Foto: Leo Vila Nova/PorAqui)

No final da manhã desta segunda (18), moradores de Jardim São Paulo, na Zona Oeste do Recife, foram surpreendidos com som de tiros. Segundo relatos, um grupo de assaltantes roubou um carro e, antes de partir, efetuaram disparos aleatórios.

De acordo com testemunhas, no semáforo que fica na esquina da Rua Construtor Luiz Carvalhedo de Castro com a Av. São Paulo, três assaltantes, que vinham num Onix branco, desceram do veículo e abordaram um outro, que estava ao lado, uma Hilux.

Os assaltantes entraram no carro – que era conduzido por uma senhora de 58 anos – e seguiram na Av São Paulo, sentido Estação de Metrô Werneck. O Onix branco foi deixado para trás e continua parado no local.

Leia a reportagem completa no PorAqui Jardim São Paulo e San Martin