Já providenciou o peixe da Semana Santa? O feriado tá batendo na porta, mas ainda dá tempo! ?

Para você não ter problemas na hora da escolha (ou no estômago), o PorAqui fez um guia completinho com tudo o que você precisa saber na hora de comprar peixes, camarões e frutos do mar em geral. E o melhor: as dicas valem pro ano todo!

Onde comer em Aldeia neste fim de semana de Páscoa

Confere:

Mania de limpeza

Antes de mais nada, fique ligado na higiene do local onde você está comprando. Esse tipo de alimento pode se contaminar facilmente, então todo cuidado é pouco. Você não vai querer trocar o feriadão por uma dor de barriga, né? Se liga nas dicas que a Vigilância Sanitária deu sobre o ambiente de venda:

– Todo o ambiente precisa ser limpo e higienizado frequentemente;
– A área destinada ao corte e descamação deve ser protegidas do clima. Os alimentos não devem ficar expostos ao sol, ou à chuva;

(Foto: Reprodução)

– Todo o lixo (inclusive as escamas!) deve ser disposto em lixeiras com tampa e acionamento não manual;
– O piso não deve ser coberto com papelões. Quanto mais fácil de limpar o chão, melhor de manter a higiene.

Mãos à obra!

Agora que você já fiscalizou a aparente higiene do local, chegou a hora de prestar atenção em quem está manipulando a sua futura comida.

– As mãos dos manipuladores devem estar sempre limpas e com luvas adequadas;
– Nada de brincos, pulseiras, anéis, correntes, e afins – eles podem acabar contaminando os alimentos;
– Os cabelos (e as orelhas) devem estar protegidos com toucas ou boné. Comida com cabelo não dá, né?
– Utensílios e equipamentos devem estar sempre bem limpos, higienizados e em bom estado de conservação. Fuuja dos utensílios de madeira – eles TAMBÉM se contaminam facilmente;

Quem dera ser um peixe

Agora que você garantiu que o local (e as pessoas que trabalham nele) cuidam direitinho da higiene da peixaria, vamos aos detalhes marinhos! Duvidêodó que você acabe esse texto sem saber escolher o almoço de Páscoa:

Peixe fresco

Se a sua escolha para prato principal foi um belo peixe, se garanta no frescor dele. A pele deve ser brilhante, úmida e colorida. Já as escamas, devem estar unidas, translúcidas e brilhosas.

Os olhos do bicho também são um bom indicativo: devem estar salientes, transparentes e brilhantes. E lembre-se: peixe bom é aquele com pouco ou nenhum cheiro!

Caranguejo e siri

Se o seu feriadão é na praia, caranguejos e siris são boas opções. Eles devem ser vendidos vivos e vigorosos, com olhos brilhantes. O aspecto geral deve ser úmido e o cheiro é próprio e suave.

Marisco e ostra

Quando postos à venda, os mariscos em geral e as ostras devem ser comercializados vivos e com as conchas fechadas. Eles têm um cheiro próprio, que é normal e até agradável. Dentro, a carne deve ser úmida e bem aderente à concha.

Lagosta e camarão

Pessoa fina você é, hem? Se o almoço em família vai ser com lagosta e camarão, eles devem ter aspecto geral brilhante e úmido. A carapaça, a parte mais dura do bicho, e a cabeça devem estar bem aderentes ao corpo. A cor deve ser a própria da espécie (dá um Google!), evite manchas negras ou alaranjadas na carapaça. E o cheiro, quando suave, é normal também!

Ah! E tudo deve estar bem refrigerado, hem? Em gelo limpo, claro. Bom feriadão! ?