No próximo sábado, 1º de abril, o palco do Ouvindo e Fazendo Música no Museu recebe o Duo Sensível. Os músicos pernambucanos João Paulo Albertim, no cavaquinho, e Marco César, no violão de sete cordas, se apresentam no Museu do Estado de Pernambuco a partir das 17h.  Dá para emendar o show com uma visita ao Clandestino Café, uma cafeteria que funciona dentro de um antigo ônibus do Exército e está estacionada no museu por tempo indefinido.

No repertório, chorinho, valsa, baião e frevo. A dupla se conheceu no Conservatório Pernambucano de Música, onde Marco César era professor de João Paulo. O projeto Duo Sensível surgiu em 2016. "Nosso repertório tem uma linha de interpretação popular com concepção mais erudita", diz João Paulo, que se refere a Marco sempre como "mestre".

A ideia de formarem o Duo Sensível surgiu depois que Marco resolveu digitalizar um acervo de 6 mil partituras. Nesse processo, eles vão selecionando algumas delas para serem musicadas.

Para o setlist do show de sábado, os dois escolheram canções de Avena de Castro, Amilton Costa e Patápio Silva, considerado um dos maiores flautistas do mundo. "Vamos tocar também composições próprias, como o chorinho Grandes Lições e Coração nos Dedos, uma homenagem a Jacob do Bandolim", fala o cavaquinista, que  mantém carreira solo.

Os ingressos custam R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia) e podem ser adquiridos no local.


O jornal de bairro evoluiu. No PorAqui, você encontra estações de conteúdo hiperlocal e colaborativo.

Para baixar o aplicativo: Android iOS

Sugestões e colaborações: gracas@poraqui.news ou (81) 9.8173.9108 (WhatsApp)