Nesta quinta-feira, 1º de março, vai ter mais uma edição da Seresta das Graças, a partir das 19h, e você quer fazer bonito, não é verdade? O PorAqui preparou um repertório digno das melhores serestas pra você garantir a cantoria no “grande dia”!

6 dicas de como as Graças podem te ajudar a ter um ano melhor

“Perfídia”

“Te amei, como ninguém te amou, querida”. Quem nunca lembrou dessa música em um momento de sofrência que atire a primeira flor. Um clássico da seresta, com música de Alberto Dominguez e versão em português Lamartine Babo.

“Carinhoso”

“Meu coração, não sei por quê, bate feliz, quando te vê”. A música de Pixinguinha com letra de Braguinha traz qualquer coisa de aconchego para um coração apaixonado. Essa nem precisa ensaiar, faz parte do repertório nacional!

“As rosas não falam”

A sensibilidade de Cartola canta o amor com a alma. Essa é daquelas músicas que não dá pra enjoar nunca e ficam lindas cantadas por várias vozes, numa seresta.

“Sonhar contigo”

O carioca Adilson Ramos fez carreira musical no Recife e não pode faltar nem na cantoria do chuveiro, nem na Seresta das Graças, claro! ?

Ensaio

Então, aproveita! Você tem dois dias de ensaio até a Seresta. Chegando lá, é só relaxar, encontrar os amigos e vizinhos e pronto. Se esquecer a letra, faz parte. O que importa é estarmos juntos! ?

Ah, a concentração é no Restaurante Fazendinha, às 19h. A Seresta deve circular por algumas ruas do bairro das Graças, na Zona Norte do Recife, próximas à Rua das Graças.

Atenção: A curadoria de músicas foi única e exclusiva do PorAqui, não querendo dizer que as músicas sejam tocadas na Seresta desta quinta, já que o repertório é espontâneo e criado na hora pelos participantes.

Colaboraram Thiago Ramos e Leonardo Vila Nova, do PorAqui.