Imagina encontrar quase 30 marcas num espaço descolado e, o melhor, pertinho da sua casa? Na Moinho Galeria, comandada por Lisa Sousa e Caco Araújo, é quase impossível sair sem comprar nada – ou até com uma tatuagem nova, já que, no andar de cima, fica o estúdio Bella Tatua, de Isabella Galvão.  Acessórios para a casa, roupas, bijus, caderninhos… Tem tudo lá.

Isabella Galvão mantém um estúdio de tatuagem no 1º andar da Moinho. (Foto: Paula Melo/PorAqui)

A loja colaborativa fica no Empresarial Manguinhos, na Rua João Ramos, 50, loja 7, no bairro das Graças. Se mudou há um mês para um ponto com mais espaço, mas no mesmo endereço. Tudo porque queriam aumentar o número de marcas disponíveis e também dar mais espaço para parceiros, como o casal Laís Dutra e Álvaro Roberto, da marca de roupas de estilo minimalista Uso Assim, que usa o espaço como uma espécie de showroom – já que o grosso das vendas são online -, e também como escritório.

No outro espaço, eram 20 marcas. “Tivemos o crescimento de dez marcas e agora temos espaço para ter o chamado respiro visual, que é ter um espaço livre, visualmente falando”, explica Lisa. “Era uma coisa que a gente sentia muita falta. A gente trabalha com muita identidade, muita estampa, muita cor.”

Dá também para tomar um café – e até uma cerveja -, no Cantinho da Moinho. O espaço foi pensado depois que Lisa percebeu que a loja, com tantas opções, acabava sendo um convite à permanência e a uma boa conversa.

Lisa, Álvaro e Laís dão um intervalo nas atividades para tomar um café no Cantinho da Moinho.

Para entrar na Moinho, tem que entrar numa fila de espera. “A maioria das marcas são pernambucanas, quase 95%”, diz Lisa, que é designer e responsável pela curadoria da loja.

A disposição das marcas e a vitrine ficam por conta de João Victor Teixeira, que faz parte da equipe da Moinho há cerca de três meses e é formado em moda. É dele o visual merchandising e toda a organização da loja. “Ele que faz o estudo visual da Moinho inteira – onde cada marca fica, onde cada produto fica, a marca, a cor. Desde que a gente se mudou, a gente tem visto um crescimento das vendas porque João está aqui, sabe?”, explica Lisa.

João Victor é o responsável pelo ‘visual merchandising’ da Moinho. (Foto: Isabella Galvão/Moinho Galeria)

“O grande desafio da Moinho, com tantas marcas diferentes, é trazer isso de uma forma mais harmoniosa. Visualmente, o cliente só percebe o produto se aquilo for harmônico para ele. O primeiro impacto que ele tem que ter é com a organização da loja, ‘que legal que tem tanta coisa diferente, mas dá para perceber tudo na loja'”, completa João.

Além do espaço coletivo, a Moinho também dá consultoria para as marcas expositoras. Para saber como funciona o serviço, veja o vídeo abaixo gravado pela equipe do PorAqui na tarde da última quinta-feira (20). Nele, Lisa conta como funciona uma loja colaborativa e também porque escolheu o bairro das Graças para fixar a Moinho, que já tem um ano e meio de existência.

Serviço:

Moinho Galeria
Rua João Ramos, 50, loja 7 (Empresarial Manguinhos), Graças – Recife/PE
Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 13h e das 14h às 18h; sábado, das 10h às 14h; fecha domingo. (A partir de agosto, vai funcionar até as 19h de segunda a sexta e até as 15 no sábado)
Telefone: 3031-8687

Instagram: @moinho.galeria
Facebook: Moinho Galeria

Bella Tatua
Instagram: @bellatatua

Uso Assim
Instagram: @usoassim