Por Paula Melo, do PorAqui

Seis amigas empreendedoras, três marcas poderosas, uma loja só. A receita das moças para alavancar as vendas, aumentar os lucros e ratear os custos vem dando certo. A Rosa Amarela surgiu em outubro de 2014 numa galeria da Jaqueira e chegou a Boa Viagem, na Av. Conselheiro Aguiar, em fevereiro deste ano. 

São três marcas à venda. De Gabriela Fiuza, tem a Calma Monga, de bolsas e acessórios em couro sintético. Marina Viturino e Lia Tavares são os nomes por trás da d.uas, com minúsculas mesmo, voltada para roupas. E, por fim mas não menos importante, Trocando em Miúdos, de Amanda Braga e Juliane Miranda. 

(Foto: reprodução/Instagram)

"Inicialmente, cada marca tinha sua loja própria, mas como somos todas amigas e temos um estilo de trabalhar parecido e produtos que se completam, a gente teve essa ideia de fazer essa loja juntas. O que é diferente da gente pra uma loja colaborativa é que aqui somos todas sócias. As três marcas dividem igualmente os custos, cada uma recebe pelo que vende", explica Gabriela Fiuza. 

A afinidade entre as marcas – e suas donas, claro – é a alma do negócio. "A gente trabalha muito isso do design local. Tudo é produzido e criado aqui, no nosso quintal. A gente toma conta de tudo, desde a criação até a loja. A grande vantagem é que a gente une os públicos, que é basicamente o  mesmo."

Segundo ela, a Rosa Amarela tem um CNPJ próprio, diferente do das marcas, fundamental para demarcar onde o negócio começa a ser coletivo. Elas dividem todas as contas: luz, condomínio, aluguel, salário de funcionários, telefone. 

O lucro é dividido proporcionalmente conforme as vendas de cada marca. "O que a gente paga separado é a comissão das vendedoras", pontua Gabriela. 

Vestido da d.uas, bolsa da Calma Monga e bijuterias da Trocando em Miúdos (Foto: Gabriela Fiúza/Rosa Amarela)

Para Gabriela, a loja compartilhada foi a melhor solução para alavancar a venda das três marcas. "A gente tem um ponto maravilhoso, que provavelmente a gente não conseguiria sozinhas. Um ponto desse é muito caro, com aluguel, funcionários, mas as três juntas ficam mais forte", aponta.

Sobre os lucros obtidos desde a inauguração da Rosa Amarela, Gabriela diz que não poderia ser melhor. "O crescimento é absurdo. Entra gente que não conhecia a marca, os passantes. Aqui na Zona Norte tem muito essa característica de rua, a gente anda. É em frente ao parque, junto de uma academia. É um movimento que a gente nem sabia que existia, nem sabia o potencial da marca", relata. 

As seis se reúnem duas vezes por mês com uma empresa de consultoria financeira e de gestão, a TGI.  "A gente deixa tudo muito organizado e padronizado. Tanto que a gente replicou esse modelo lá Boa Viagem, que é um modelo que dá super-certo", comemora.

ROSA AMARELA

Rua Deputado Pedro Pires, 405 – Jaqueira | (81) 3039-0140

Horário: de segunda a sexta, das 9h às 19h; sábados, das 9h às 18h.


O jornal de bairro evoluiu. No PorAqui, você encontra estações de conteúdo hiperlocal e colaborativo.

Para baixar o aplicativo: Android iOS

Sugestões e colaborações: gracas@poraqui.news ou (81) 9.8173.9108 (WhatsApp)