O prefeito Geraldo Julio deve vir ao bairro das Graças nesta quinta, 1º de junho, às 8h30, para assinar a ordem de serviço que autoriza o início das obras da segunda etapa do Parque Capibaribe, a Via Parque das Graças (a primeira é o Jardim do Baobá).

O ato, que deve contar com a presença de moradores e integrantes da Associação por Amor às Graças e acontece no fim da Rua das Pernambucanas, próximo à beira-rio, está na agenda oficial do prefeito. Segundo sua assessoria, a presença do mandatário, apesar de ser um evento oficial, ainda não está confirmada por conta das chuvas que acontecem no Recife.

Ainda conforme informações passadas pela assessoria, as obras da Via Parque devem começar imediatamente, ou seja, ainda nesta semana, logo após a assinatura da ordem de serviço.

Além do prefeito, devem participar também o secretário de meio ambiente da cidade do Recife, Bruno Schwambach, o secretário de infraestrutura e habitação, Roberto Gusmão, a ex-secretária Cida Pedrosa e integrantes do Inciti, entre outros.

Para Lúcia Moura, presidente da Associação por Amor às Graças, o início das obras é a coroação de uma vitória. “Conseguimos realizar uma parte do pleito, graças à comunidade, que se uniu”, comemora.

O projeto, que inicialmente previa a construção de uma via expressa, foi modificado depois que a associação de moradores fez pressão junto aos órgãos do governo para que fosse construído ali um espaço de convivência.

Via Parque -Jardins, praças, brinquedos, uma passarela de acesso ao rio e um píer flutuante estão entre os equipamentos previstos para a etapa do projeto Parque Capibaribe que ficará nas Graças.

Uma via compartilhada por carros, bicicletas e pedestres também está no projeto, que, quando finalizado, vai cobrir uma área de quase 1 km de extensão de uma ponte à outra.

Não se trata, no entanto, de uma via expressa, já que haverá trechos exclusivos para pedestres e veículos de duas rodas não motorizados.