Joana, 8, foi a primeira que viu. Perguntou para o pai, Ricardo Rêgo, que bicho que era. Ele achou que era uma gato, mas resolveu checar melhor. Foi quando se depararam com cinco capivaras que atravessavam do Rio Capibaribe para um terreno baldio, em frente ao Graças Food Park, ali no finzinho da Rua das Pernambucanas. 

O local acabou se tornando um observatório de capivaras, devido ao número de aparições dos bichos.

Era início da noite de sábado (18) e Ricardo tinha levado a filha para fazer um lanche com outros membros da  família. O que eles não esperavam era que o passeio ia terminar com uma experiência  daquelas.

Joana (esquerda) foi quem primeiro viu a família de capivaras. Na foto, com a prima Marília, no Graças Food Park.

"Não entendo de capivara, mas parecia que tinha um casal e um filhote maior e dois pequenos, bem novinhos. O maior parecia um 'adolescente' (risos). Foi uma surpresa muito boa, presenciar essa família de capivaras", conta Ricardo. "Uma delas, eu acredito que era a mãe, pois estava sempre de olho nos dois filhotes menores", detalha ele, que é propagandista da indústria farmacêutica.

"Eu fiquei impressionada quando vi aquelas capivaras. Achei muito fofinho. Eu não sabia que tinha esse bicho na cidade. Eu nunca tinha visto antes", comemora a pequena.

Apesar da emoção, o grupo ficou preocupado. "Os carros passavam e quase atropelavam os filhotes. Seria interessante colocarem algumas placas de atenção naquela região", sugere Ricardo, fazendo coro ao cunhado, Hugo Barreto, que estava no local e fez o vídeo. 

"Temos que pedir uma atenção das autoridades e órgãos responsáveis pra colocar essas placas sinalizando e pedindo atenção para a população. E também alertar as pessoas para não alimentá-los e também não tentar tocar", comenta Ricardo.

E você, já viu uma capivara? Conta pra gente nos comentários ou no gracas@poraqui.news! O PorAqui é uma plataforma colaborativa.  


O jornal de bairro evoluiu. No PorAqui, você encontra estações de conteúdo hiperlocal e colaborativo.

Baixe agora o app gratuito e cadastre-se: Android e iOS

Sugestões e colaborações: gracas@poraqui.news