A Festa Literária Internacional de Pernambuco (Fliporto), fundada em 2005 e realizada até 2009, na praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, depois de seis anos sediada na cidade de Olinda, e um hiato de dois anos após o cancelamento de duas edições por falta de apoio financeiro, retorna à cidade-mãe entre os dias 1 e 3 de junho. Os calçadões e empreendimentos turísticos serão palco da Feira de Livros, Tribuna Livre, Fliporto Musical, Fliporto Infanto-Juvenil e Circuito Gastronômico. A curadoria é assinada por Eduardo Côrtes e Antônio Campos.

Com o tema Diálogos do Contemporâneo, que inclui debates sobre poesia, música, turismo, ecologia e artes, o homenageado será o escritor e poeta, natural do município de Aliança, Marcus Accioly. O literato, integrante do movimento armorial, faleceu em outubro do ano passado.

Marcus Accioly é o homenageado deste ano | Foto: Beto Figueiroa

O Circuito Gastronômico homenageará o compositor e músico ipojucano Nando Cordel, autor de clássicos, como “De Volta pro meu aconchego”, interpretado por Elba Ramalho, “Hoje é dia de folia”, imortalizado na voz da apresentadora e cantora Xuxa, e “Isso aqui tá bom demais”, composta em parceria com Dominguinhos. Os bares e restaurantes que integram o circuito irão elaborar pratos em homenagem ao músico que levem o nome de suas canções.

Nando Cordel e seu aconchego em Candeias

Feira de Livros

Segundo o fundador e curador da Fliporto, Eduardo Côrtes, várias editoras estarão presentes no evento para comercializar obras a preços acessíveis. Diferente dos anos realizados em Olinda, quando era necessário pagamento para participar do congresso literário, em Porto de Galinhas, toda programação será gratuita. Um dos primeiros convidados anunciados é o jornalista e escritor Raimundo Carrero.

A Fliporto tem apoio da Prefeitura de Ipojuca, Hospital Português, Assembléia Legislativa de Pernambuco, Associação de Hotéis de Porto de Galinhas, Pousadas de Charme, Associação Porto da Boa Mesa, Vitarela e Heineken.