Se tem uma coisa que a gente entende, é tirar onda. E essa é basicamente a definição do meme, seja ele em forma de imagem, música ou até comentário. Bora relembrar sete bons memes da nossa terrinha.

Sanduíche-íche-íche

A gente ainda nem sabia o que era meme. Mas olha só nosso pioneirismo: em 2005 a nutricionista Ruth Lemos se enrolou com o ponto eletrônico durante uma entrevista ao vivo na Rede Globo. Resultado: falou com eco, gaguejou, o vídeo viralizou no YouTube e até hoje ela é lembrada por isso. Adoro a versão mixada também, que você confere aqui.

Boy do Arrastão

Foi minha amiga Blenda Souto Maior, então fotógrafa do Diario de Pernambuco, que fez o flagra de um rapaz carregando uma CPU na onda de arrastões da greve da PM em 2014. Ele se arrependeu e devolveu o equipamento na delegacia de Afogados, onde depois prestou depoimento e foi indiciado por furto.

Boy do bote

Hoje é até banal. Mas quando a modalidade de bote do celular no ônibus começou a ganhar popularidade, em 2016, uma passageira gravou o momento em que um jovem tentou pegar o celular dela. O vídeo viralizou e a gente viu montagens do boy com a tocha olímpica e tantas outras coisas. Ele acabou sendo preso e negou que quisesse roubar o telefone. Queria só dar um tapa na mão da passageira. 

Torta diva

Por semanas, foi o assunto na internet pernambucana. Uma blogueira criticou no instagram a criação de um chef conhecido, a tal da Torta Diva. Só meses depois ele viu o post e não deixou barato, cometendo uma série de erros de português e um surto de arrogância. Paladar refinado, “balnilha” de Madagascar e doce de leite Camponesa nunca foram tão discutidos como em março de 2015. Relembre aqui.

Quero não, posso não

Era 2010 e a gente já sabia (mais ou menos) o que era meme. Reginho e Banda Surpresa explodiram com o clipe pueril e o refrão cheio de negativas: “Quero não, posso não, minha mulher não deixa não”. O “mulher” do refrão podia mudar de acordo com a preferência do freguês. A música explodiu, virou a mais ouvida do carnaval de 2011. Mas um imbróglio sobre a autoria da música acabou na justiça e no fim da banda. Reginho hoje vende salsichas na rua.

Afaste-se

A então estudante de jornalismo Ana Carla Santiago ficou ~famosa ~ como o rosto do “Afaste-se”. Saiu váriassss vezes no Buzzfeed e teve seu tempo de reinado no Twitter em 2016. Saiba mais aqui. 

Envolvimento

Outro meme musical do brega, o descer e subir  de MC Loma e as Gêmeas Lacração tem contornos de Cinderella: da periferia de Jaboatão dos Guararapes para o hit do carnaval 2018. Voz gasguita, visual exagerado e um clipe caseiro com historinha. E nós só tivemos a ganhar no vocabulário: cebruthius, basiquinha toda, escama só de peixe…<3