Na semana em que a cidade do Jaboatão dos Guararapes comemora 425 anos, o Shopping Guararapes recebe a mostra Jaboatão de Todas as Artes. A exposição homenageia expoentes da cultura da cidade e segue gratuita até o dia 30 de maio. As artistas plásticas Maraçane de França e Iara Tenório assinam a curadoria.

Do teatro da Paixão dos Guararapes, dirigido por Geraldo Dias que, voluntariamente, leva 120 trabalhadores ao Monte, à arte barroca do Mestre Nicola de Barra de Jangada. Das pinturas de Romero Britto ao trabalho de Cecília Brennand no Aria Espaço de Dança e Arte. Jota Azevedo, Mestre Saúba, Alex Mont’Elberto, Catarina Bivar, entre outros, representam a cidade nas diversas vertentes artísticas.

A arte barroca do Mestre Nicola de Barra de Jangada

A literatura é representada pela Academia de Letras do Jaboatão dos Guararapes: Adriano Marcena, historiador, dramaturgo e professor; Honorina Carneiro, poetiza, compositora, cordelista, professora, advogada e psicóloga; Natanael Lima, poeta, pedagogo, pesquisador e produtor cultura; e Isaac Luna, poeta, cordelista, advogado e professor.

O espaço dedicado, no corredor do cinema, funciona no horário do Shopping e tem entrada gratuita.

Esquina 40: a escola de artes de Piedade

Poesia de Isaac Luna sobre a cidade

Na sombra de um Jaboatão
ao som dos tambores que invade
ruas, becos, avenidas, ladeiras
O Mar que banha a cidade

Nos olhares de Piedade
Das ‘Karinas’ de Candeias
Cavaleiros Marcham Curados
Sob o verde que estreia

Souza Leão da Muribeca
Terreiros cheios de brasilidade
Os Prazeres que vêm na vida
As dores e a felicidade

Sou Camarão de Arco e Flecha
Guararapes, sou guerreiro
Vital, que tal? Henrique e Barreto
Sou essência do povo brasileiro

E nesse batuque que entoa
Na alma da nossa gente
Com a força da diversidade
Na igualdade de ser diferente