Faleceu na manhã desta sábado (23), aos 92 anos, o ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes Newton Carneiro, um dos políticos mais controversos da história da cidade.

Nos dois mandatos de sua gestão, foi eleito pela primeira vez em 1996, mas sofreu intervenção do Governo Estadual ao final da sua primeira administração, em 1999.

Populista, alcançou notoriedade nas estratégias de suas campanhas, que incluíram andar com bolacha de água e sal para distribuir em suas caminhadas, doação de caixão para as famílias de baixa renda do município e até mesmo dormir na casa de moradores nas comunidades.
“Newton Carneiro foi a expressão mais populista recente na política da cidade. No início dos anos 2000, no auge do ciclo de eleição de governos progressistas nas cidades, foi Newton Carneiro quem materializou a feição de um governo para o povo”, declarou César Ramos, membro do PSOL, em depoimento no seu perfil do Facebook. Anderson Ferreira, atual prefeito da cidade, em nota oficial divulgada através da assessoria de imprensa, lamentou o falecimento e lembra que o político não fez só história em Jaboatão, mas também em Pernambuco.
Durante uma alta de combustível que aconteceu num de seus mandatos como deputado estadual, no guia de campanha distribuído oficialmente pela equipe do político, Newton foi à Assembleia Legislativa em cima de uma carroça puxada por dois cavalos batizados de Irã e Iraque, para criar a conexão entre os dois países e os preços. Enquanto ele trabalhava, os animais pastavam no Parque 13 de Maio.
O PorAqui resgatou parte da HQ utilizada na campanha para o seu segundo mandato. Confira: