Criado na década de 1920 na Califórnia (EUA) e no Havaí (EUA), o vôlei de praia é um esporte inspirado no tradicional vôlei de quadra. Demorou por volta de três décadas para a prática, enfim, ser reconhecida como esporte profissional. Assim, mais ou menos na década de 1980, chegou ao Brasil.

Em Olinda, o vôlei de praia deu muito certo e passou a fazer parte da cultura local, tornando assim a nossa beira-mar urbana um local mais que propício para a prática do esporte. Diante disso, a Federação de Voleibol do Estado de Pernambuco (FEVEPE), a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco e a Secretaria Executiva de Esportes de Olinda lançaram o Projeto Sacando Juntos.

Fotógrafo amador registra surfe na Praia de Zé Pequeno em Olinda

Meninas e meninos podem se inscrever na escolinha. Foto: Divulgação
Formação cidadã através do esporte é o principal foco do projeto. Foto: Divulgação

O projeto irá proporcionar escolinha de vôlei de praia gratuita para crianças e adolescentes do município de Olinda. A iniciativa vai contemplar o público de 8 aos 18 anos e as matrículas podem ser realizadas com o ex-atleta Lula do Vôlei.

O local das inscrições é na orla de Bairro Novo, em frente ao antigo Quartel da Polícia do Exército e as crianças e jovens precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis. As aulas ocorrem nas terças e quintas-feiras, nos turnos da manhã (9h às 10h e 10h às 11h) e tarde (14h às 15h e 15h às 16h).

Segundo o Secretário Executivo de Esportes de Olinda, o ex-jogador de futebol Chiquinho, o Projeto Sacando Juntos é uma iniciativa que promove a inclusão social, formando assim novos cidadãos e, quem sabe, novos atletas para a modalidade.