Peço licença às duas pessoas que ainda me leem para falar sobre um menininho cuja história me emocionou mais do que encontrar Heineken gelada na segunda parada do “Eu acho é pouco”, na terça-feira gorda.

Dante é um sol. Ao redor dele, orbitam seus pais e irmão. Quando sorri, ilumina o ambiente e aquece o coração de quem estiver por perto. É uma estrela. Mas a vida, de vez em quando, é como aquele trecho de “Voltei, Recife” (querovernovamenteshablalalalalaando, tomar uma e outras…) ninguém entende.

Não há explicações lógicas para muitas das coisas que nos ocorrem. No caso de Dante, vou deixar que os pais dele falem melhor sobre isso:

“Esse é Dante. Um menino lindo, muito amado e querido. Dante foi diagnosticado recentemente com Atrofia Muscular Espinhal tipo 2. As Atrofias Musculares Espinhais (AME) são doenças raras, têm origem genética e caracterizam-se pela atrofia muscular secundária à degeneração de neurônios motores. O quadro clínico caracteriza-se por deterioração motora após um período de desenvolvimento aparentemente normal. Hoje em dia, Dante não se senta de forma independente.

Atualmente, o primeiro e ÚNICO tratamento que possibilita estabilizar a progressão da doença é muito caro e de custo MILIONÁRIO!!! O medicamento Spinraza, no Brasil, custa R$ 364.000,00 por dose. Sendo necessárias cinco doses no 1° ano de tratamento. O equivalente a quase DOIS MILHÕES DE REAIS.

Por isso, precisamos de sua ajuda, de seu apoio e de sua oração!”

Se vocês leram até aqui, além de agradecer pela atenção, gostaria de pedir-lhes que contribuam com a campanha com os valores que vocês puderem. Seguem os dados para as doações:

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

AG 0678 OP 013 CP 67384-5

CPF 139.242.694-40

DANTE VITORINO ARAÚJO

Instagram: ame.dante

Assim como os pais de Dante, eu também tenho um coração fora do peito e foi olhando pra ele que decidi escrever este texto.Um cheiro e boa semana!