Todo mundo tem apelido. Gostamos de apelidar a quem temos apreço, e não é diferente com a seleção do nosso país. As 32 equipes que disputam a Copa do Mundo de 2018 contam com alcunhas. Algumas engraçadas, outras formais demais e tem até algumas que foram criadas com, digamos, pouco esforço criativo. Vamos conferir quais são?

Rússia – carrega o apelido de Soviéticos em referência ao período em que o país protagonizou o centro da União Soviética.

Arábia Saudita – O apelido de Falcões Verdes vem da ave, que é bastante popular no país.

EgitoOs Faraós. Esse não precisa nem explicar né.

Uruguai – Nosso vizinho do sul é a Celeste Olímpica. Apelido que une a cor da camisa e os dois títulos olímpicos conquistados em 1924 e 1928. Também são chamados de charruas, em referência ao povo indígena que habitava nos campos argentinos, uruguaios e brasileiros.

Portugal – A Seleção das Quinas ganhou esse apelido por conta dos cinco escudos azuis (chamados de quinas) que formam o desenho da cruz que compõe a bandeira do país. As quinas representam os cinco reis mouros derrotados pelo rei Afonso I, no século 12.

Espanha – Primeiramente, a seleção espanhola era chamada de La Fúria por causa da característica impetuosa como jogava. Mas isso ficou muito marcado nos fracassos do time ao longo das Copas do Mundo. Então eles decidiram que seriam chamados de La Roja, devido à cor do principal uniforme, que é vermelho.

Irã – Team Melli, como é conhecida a seleção iraniana, quer dizer Time do Povo em Persa.

MarrocosLeões do Atlas eram animais muito presentes no Marrocos e que foram extintos no século XX.

França – Os franceses chamam sua seleção de Les Bleus (os azuis), em alusão ao uniforme que usam desde 1908.

Austrália – Os jogadores da seleção australiana são chamados pelos seus compatriotas de Socceroos, palavra que é a fusão de soccer (futebol) com kangaroos (cangurus, animal símbolo do país).

PeruLa Blanquirroja é a alcunha da seleção peruana devido às cores da bandeira do país e do uniforme do time.

Dinamarca – A seleção dinamarquesa ganhou o apelido de Dinamáquina depois de assustar os adversários nas eliminatórias para a Copa de 1982. Em 1984, a equipe venceu as três partidas da primeira fase da Eurocopa, e o apelido começou a pegar.

ArgentinaAlbiceleste, relacionada às cores branca e celeste de seus uniformes. Sem graça né. ?

IslândiaNossos Garotos. O time é novo no cenário do futebol mundial. Já fez história na Eurocopa de 2016, quando foi até as quartas de final, e chegou à Copa do Mundo pela primeira vez. A torcida é só orgulho.

Croácia – A Croácia tem como apelido Šlivovica, que significa Ardentes. É o nome de uma bebida típica do país.

Nigéria – Os jogadores são conhecidos como Super Águias, mascote do time e que aparece no escudo da federação.

Brasil – O apelido de Canarinha veio após a Copa de 1954, quando a Seleção estreou a cor amarela no uniforme.

Suíça – A Suíça é conhecida como Nati. O termo é um diminutivo de Schweizer Nati (seleção nacional) em alemão.

Costa Rica – No espanhol costarriquenho, o diminutivo usa o sufixo “ico”, em vez do “ito”, característico do idioma no mundo todo. Por isso, os costarriquenhos, jogadores de futebol ou não, são conhecidos como Los Ticos.

Sérvia – Por conta de uma águia branca de duas cabeças que figura no brasão da bandeira do país, o apelido dos jogadores da seleção nacional é Águias Brancas.

Alemanha – “Lá vem eles de novo”. O nome deles é Mannschaft, que significa Equipe Nacional em alemão. Também sem graça né. ?

México – Por conta das cores, o México é conhecido como La Tri em alusão às três cores da bandeira e do uniforme: verde, branco e vermelho.

SuéciaBlãgult, como é chamada a seleção nórdica, significa azul e amarelo.

Coreia do Sul – O apelido Tigres Asiáticos tem ligação com o grupo de países de industrialização recente da região de que faz parte e foi adicionado ao escudo da federação.

Bélgica – O apelido Diabos Vermelhos surgiu pela cor da camisa e por uma vitória de 5×0 sobre a Holanda em 1906.

PanamáLa Marea Roja une duas características do país: a cor do uniforme da seleção (vermelha) e o Canal do Panamá, a quem o termo “marea” faz referência.

Tunísia – O símbolo da federação tunisiana é uma águia, e Cartago é uma importante cidade do país. A junção dos dois deu origem ao apelido Águias de Cartago.

Inglaterra – Além da alcunha English Team (Time Inglês), a Inglaterra também é chamada de Three Lions, em alusão aos três leões do escudo da federação e do exército do país.

Polônia – São dois apelidos: Alvirrubra, em referência às cores da bandeira, e Águias Brancas, símbolo tradicional do país.

Senegal – O leão é um dos símbolos da população do Senegal, e Teranga é uma palavra local que se refere à hospitalidade de seu povo. Assim nasceu Leões de Teranga.

Colômbia – Devido à grande produção de café e à qualidade da bebida produzida por lá, a Colômbia ficou sendo chamada de Los Cafeteros.

Japão – Os jogadores que defendem a seleção japonesa são carinhosamente chamados de Samurais Azuis pela torcida. Trata-se de uma referência aos guerreiros típicos do país e à cor do uniforme do time.