Habemos feriadão! É hora de curtir o dias de folga prolongados e, no Centro do Recife, opções chamam a atenção: dança, shows, festas, musicais estão no cardápio de diversão que o PorAqui preparou.

Quinta-feira (2)

FESTIVAL NACIONAL DE CORAIS
Até o domingo (5), acontece, no Teatro de Santa Isabel, o 17º Festival Nacional de Corais, que irá reunir 18 corais de várias partes do Brasil, apresentando repertório sacro, erudito, popular e regional.
19h30
Teatro de Santa Isabel | Praça da República, s/n – Santo Antônio
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
+ 1kg de alimento não-perecível

TRILOGIA DO FEMININO – MULHER SELVAGEM
Três perspectivas da realidade atual da mulher estão em Trilogia do Feminino, da Cia de dança Mário Nascimento. O primeiro solo, Mulher Selvagem, aborda a força oculta e, ao mesmo tempo propulsora, inerente ao feminino. Uma mulher que luta para se reconstruir, após ter sido abusada durante toda a vida de diversas maneiras, desde violência física até sutis manipulações psicológicas.
20h
Caixa Cultural Recife | Av Alfredo Lisboa, 505 – Bairro do Recife
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
*ingressos vendidos a partir das quarta anterior ao fim de semana

 

Sexta-feira (3)

TRILOGIA DO FEMININO – O VESTIDO
Três perspectivas da realidade atual da mulher estão em Trilogia do Feminino, da Cia de dança Mário Nascimento. O segundo solo, O Vestido, é inspirado numa peça de Ronaldo Fraga, de uma coleção em homenagem à bailarina e coreógrafa alemã Pina Bausch. A mulher selvagem guia a personagem a encontrar e vestir o vestido, num profundo processo de descoberta, consciência, ação e libertação. Ela vê em um vestido o caminho para sua libertação.
20h
Caixa Cultural Recife | Av Alfredo Lisboa,505 – Bairro do Recife
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
*ingressos vendidos a partir das quarta anterior ao fim de semana

FORRÓ DA TROPICASA

(Foto: Dinda Salú)

Formado por Dinda Salú, Emerson Santana, Welington Moraes e Rodolfo Dik. Dinda Salú & Trio Praíba traz o tradicional forró de rabeca, samba de coco e cavalo marinho com a musicalidade de pernambucanos nascidos e criados no berço das manifestações populares do estado.
Nas pickups, o DJ Daniel Olavo Opreto (BA), em turnê pelo nordeste com a sua Kombi envenenada e seu refinado repertório de música brasileira.
21h
Tropicasa | Rua da Glória, 496 – Boa Vista
R$ 15,00
R$ 10,00 (lista amiga)

NEGA DO BABADO NA MANSÃO
A noite vai ser pra dançar brega bem agarradinho na Mansão do Amor com a Nêga do Babado.
21h (a acasa abre às 18h)
Mansão do Amor | Rua Madre de Deus, 268 – Bairro do Recife
R$ 10 (até as 23h) e R$ 15 (após as 23h)

FESTA DE ABERTURA DO JANELA
Para curtir a night depois da sessão inaugural do X Janela Internacional de Cinema do Recife, vai rolar festinha com os DJs Fabiana Moraes, Juliano Dornelles, DJs do Janela (Rafa Rodrigues e Vini V) e Iabês (Djs residentes)
22h
IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil) | Rua Jener de Souza, 130 – Derby
R$ 20 (antecipado, no sympla)

ROLÊ
A banda Donn, tocará muito pop e funk na festa Rolê, no Clube Metrópole. A festa contará com espaço para maquiagem, massagem e projeções no corpo, stilleto performance, apresentação da drag Ruby Nox, clone e shots de catuaba selvagem até 1h da madrugada. No som,os DJs Gael, Danic e André Valentim.
22h
Clube Metrópole | Rua das Ninfas, 125 – Boa Vista
R$ 10 (estudante), R$ 15 (dupla de Rolê), R$ 25 (inteira), R$ 30 (revertida em consumo) – à venda no sympla.
Os 20 primeiros clientes dos signos de libra e escorpião terão entrada free.

 

Sábado (4)

TUMBA LA CATUMBA


(Foto: Diego Bresani)

A banda de Brasília Tumba La Catumba junta rock, teatro e brincadeira para crianças, com um visual de personagens de histórias de terror, que mais divertem do que assustam. As apresentações acontecem neste sábado (4) e domingo (5).
15h
Auditório da Livraria Cultura | Av Cais da Alfândega, s/n – Bairro do Recife
Entrada franca (quem for, ganha o novo CD da banda)

TRILOGIA DO FEMININO – A MULHER QUE CUSPIU A MAÇÃ
Três perspectivas da realidade atual da mulher estão em Trilogia do Feminino, da Cia de dança Mário Nascimento. O terceiro solo, A Mulher que Cuspiu a Maçã, é um espetáculo híbrido de dança, teatro, performance e sonoridades vocais. Traz profundas questões do feminino e escancara frustrações, decepções, padrões e mazelas que caminham com as mulheres ao longo do desenvolvimento de sua história na humanidade.
20h
Caixa Cultural Recife | Av Alfredo Lisboa,505 – Bairro do Recife
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
*ingressos vendidos a partir das quarta anterior ao fim de semana.

TROPICAL ABSURDO
DJs Aslan Cabral, Felipe Guedes, Pedro Leão, Juliana Vieira, Junior B e Michel Rossi agitam a festa Tropical Absurdo.
22h
Clube Metrópole | Rua das Ninfas, 125 – Boa Vista
R$ 30 (antecipada), R$ 15 (estudante), R$ 40 (revertido em consumo), R$ 50 (na hora) à venda no sympla.