Um dos maiores nomes das artes plásticas do Brasil no século XX, Tomie Ohtake, falecida em 2015, ganhou uma exposição em sua homenagem: Tomie Ohtake – Cor e Corpo. A mostra aporta no Recife a partir da próxima sexta (22), na Caixa Cultural Recife, onde fica em cartaz até o dia 12 de novembro.

Com curadoria de Carolina De Angelis e Paulo Miyada, a exposição é um panorama da obra de Ohtake, que dedicou mais de 60 anos de sua vida a uma produção profícua e ininterrupta. São esculturas, pinturas, gravuras, serigrafia, litografia e gravuras em metal que revelam os diversos períodos criativos da artista.

Japonesa naturalizada brasileira, Tomie Ohtake faleceu em 2015 (Foto: Instituto Tomie Ohtake)

Durante sua trajetória, Ohtake não se ateve a uma temática específica, mas algumas características marcam o seu fazer artístico: formas da natureza, elementos humanos, marítimos e cósmicos, crescimento e fecundação podem ser notados em suas obras.

Em Tomie Ohtake – Cor e Corpo, estão desde sua mais seminal produção, em gravuras onde se percebe contornos irregulares, até suas criações mais recentes, que evidenciam traçados mais rigorosos.

A exposição estará em cartaz na Galeria 1 da Caixa Cultural Recife, podendo ser visitada de terças a sábados, das 10h às 20h, e nos domingos, das 10h às 17h. A entrada é gratuita.

Tomie Ohtake

Japonesa naturalizada brasileira, a artista nasceu Tomie Nakakubo, em 21 de novembro de 1913, na cidade de Kyoto, no Japão.

Em 1936, chegou ao Brasil para visitar um de seus cinco irmãos e, impedida de voltar devido ao início da Guerra do Pacífico, ficou no Brasil. Casou-se, com o engenheiro agrônomo Ushio Ohtake, com quem teve dois filhos e, com quase 40 anos, começou a pintar incentivada pelo artista japonês Keiya Sugano.

O ápice de sua carreira veio a partir dos seus 50 anos, quando realizou mostras individuais e conquistou prêmios na maioria dos salões brasileiros.

Em seus mais de 60 anos de produção artística, participou de 20 bienais internacionais, somando em seu currículo mais de 120 exposições individuais (em São Paulo e mais 20 capitais brasileiras, Nova Iorque, Washington, Miami, Tóquio, Roma, Milão, etc.) e quase 400 de coletivas, entre Brasil e exterior, além de 28 prêmios.

SERVIÇO
Exposição Tomie Ohtake – Cor e Corpo
De 22 de setembro a 12 de novembro
Caixa Cultural Recife | Avenida Alfredo Lisboa, 505 – Bairro do Recife
Visitação: Terças a sábado, das 10h às 20h / Domingos: das 10h às 17h
Entrada gratuita