Após quase um mês da surpreendente notícia do seu cancelamento, por falta de verba, a Paixão de Cristo do Recife vai ser, sim, realizada. Nesta sexta (30), sábado (31) e domingo (1º), a partir das 20h, a Via Crucis de Jesus será, mais uma vez, interpretada no Marco Zero, Bairro do Recife, em sua 22ª edição. O espetáculo é aberto ao público.

O diretor da Paixão de Cristo do Recife, José Pimentel, voltou atrás da decisão de cancelamento devido à grande comoção de fãs e do público em geral, nas redes sociais e por onde ele passava. “O povo nas ruas falava comigo, atores e atrizes de outros grupos também. Tudo isso comoveu e eu decidi, então, fazer a Paixão”, diz o artista.

Páscoa: 13 opções para comprar e incentivar o comércio local

Devido às dificuldades financeiras – o espetáculo conta com apenas R$ 400 mil dos R$ 700 mil necessários para sua realização –, a Paixão quase não aconteceria. Com desconto dos fornecedores e alguns atores abrindo mão dos seus cachês, a encenação será realizada “na raça”.

“A Paixão arregimentou um mundo de pessoas com uma vontade de fazer com que ela acontecesse. Foi muito emocionante essa junção de todo mundo em favor do espetáculo”, diz Pimentel.

Este ano, no papel de Jesus está o ator Hemerson Moura, que foi escolhido, entre 27 candidatos, para substituir Pimentel, que após 40 anos, não será mais o Cristo da encenação. No entanto, ele continua à frente da direção do espetáculo e as falas gravadas de Jesus ainda são as suas.

Hemerson Moura (esq) é o novo Cristo. José Pimentel (dir) continua dirigindo o espetáculo (Foto: Gerlândia Bezerra)

Pimentel garante, ainda, que estará em palco este ano… em um papel surpresa. “Nem os atores sabem ainda. Mais ninguém sabe. Só eu”, faz segredo.

ESTRUTURA – A Paixão de Cristo do Recife 2018 conta com 100 atores e 300 figurantes. A estrutura montada no Marco Zero vai ter três plataformas, um palco principal com 20 metros de largura por 16 metros de profundidade, interligado a dois outros palcos laterais com 16 metros de largura por 14 de profundidade, o que permite melhor visualização do público sem que seja necessário se deslocar entre os cenários.

Paixão de Cristo do Recife 2018
Sexta (30), sábado (31) e domingo (1º), às 20h
Marco Zero – Bairro do Recife
Aberto ao público