Recife e a RMR vêm presenciando o surgimento de novos nomes que fazem da poesia oral sua arma de guerrilha numa sociedade que ainda precisa quebrar muito a cabeça sobre diversas questões sociais e políticas postas à mesa para o debate cotidiano.

A poesia tornou-se militância de jovens mulheres negras, da periferia, que estão galgando seu espaço em lugares onde apenas os homens eram considerados. As batalhas de MCs são um exemplo de ambiente que atualmente está passando por essa quebra de paradigma.

Representantes desta transformação nos veios do universo do rap, hip hop e das demais modalidades da poesia oral estarão juntas, neste domingo (20), na Torre Malakoff, a partir das 15h.

Batalha da Escadaria: duelo de rimas e improvisos no Centro

Bell Puã (Foto: Tiago Henrique)

Encontro, Poesia, Corpo e Protesto reunirá Bell Puã (representante brasileira no Gran Poetry Slam, que aconteceu este mês, na França), Patrícia Naia, Bione, Adelaide Santos, Joy Tamires e Luna Vitrolira. Também participarão os poetas Gleison Nascimento, David Henrique, Pierre Tenório e Philippe Wollner.

O encontro irá mostrar como acontecem esses desafios poéticos e o que tem a dizer essa nova geração de jovens declamadores. Além dos desafios poéticos, o evento terá performances, rodas de conversa, exibição de vídeos e música.

Encontro, Poesia, Corpo e Protesto
⏰ Domingo (20), das 15h às 18h
? Torre Malakoff | Praça do Arsenal da Marinha, s/n – Bairro do Recife
? Gratuito