Sons, ruídos, vozes – todos esses elementos passam por edição na obra, porém a primeira intervenção do editor é lidar com as falas.  O Portomídia recebe, nos dias 17 e 18 de junho, a Oficina de Edição de Diálogos, com Sálua de Paula.

“A edição de diálogos é a primeira parte por ser a mais importante. Além de ser a demanda mais demorada do editor, ela tem momentos que precisam ser editados manualmente, é um processo que se assemelha ao trabalho artesanal. Com as vozes editadas, seguimos com o som ambiente, os efeitos e, posteriormente, a trilha”, explica Sálua.

O curso será dividido em duas partes, uma teórica e uma prática: “Na primeira parte vou apresentar alguns exemplos, teorias de organização do material, marcação e técnicas do software que iremos utilizar, o Pro Tools; na segunda, a parte prática, os exercícios serão praticados individualmente”.

(Foto: Divulgação)

A oficina acontece uma semana depois da de Mixagem 5.1,  que também foi realizada no Portomídia por Lucas Coelho, parceiro de formação de Sálua na Escuela Internacional de Cine y TV, em Cuba. Além da formação em cinema, a editora é jornalista, fotógrafa, técnica de som, mixadora e realizadora audiovisual. Informação sobre cinema não vai faltar para os oficineiros.

Falando neles, é aconselhável que os interessados tenham algum tipo de experiência com edição de imagens ou de som. As inscrições devem ser feitas online.

Oficina de Edição de Diálogos no Portomídia
Portomídia – Rua Apolo 181, Bairro do Recife, Recife – PE
17 e 18 de julho, das 09 às 18h
Inscrição: http://bit.ly/OficinaEdicaoDialogos
Investimento: R$ 200