Quanta coisa aconteceu em Setúbal em 2016! O bairro se uniu, se renovou, fez muita coisa com o espírito da coletividade. O PorAqui listou 10 acontecimentos que marcaram o bairro em 2016. 

Se você conhece outros fatos que podem entrar nesta lista, avisa para a gente. Deixe seu comentário aqui ou envie um e-mail para setubal@poraqui.news. Somos uma plataforma colaborativa.      

1. Associação de moradores

(foto: Coletivo Setúbal)

No segundo semestre, o Coletivo Setúbal deu os primeiros passos para tornar-se uma associação formal de moradores, com regras, assembleias, registros e planejamentos estratégicos. A eleição da diretoria está marcada para março de 2017.

LEIA TAMBÉM: 8 ações que o Coletivo Setúbal já agendou pra 2017

2. Feira Agroecológica

(foto: Feira Agroecológica de Setúbal)

O bairro passou a ter uma feirinha agroecológica todos os sábados pela manhã, na beira do Canal do Jordão, por trás da Escola Americana. Muitas mãos organizam juntas o evento: Associação Agroflorestal Terra & Vida, Agroflor, Amarftsa, Mocotó, Acampamento Chico Mendes e Coletivo Setúbal. 

A feira conta ainda com o apoio da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Vegaria, Portal Flores no Ar e Garuda Yoga. Os produtores são de Igarassu, Abreu e Lima, Moreno, Vitória de Santo Antão, Lagoa de Itaenga, Bom Jardim e São Lourenço da Mata.

LEIA TAMBÉM: Feira Agroecológica com horários especiais no fim de ano

3. ParCão Lindu

Os amantes de cachorros e também ativistas da causa animal de juntaram para criar um projeto arquitetônico, juntamente com um orçamento, para criação de um espaço exclusivo para cães no Parque Dona Lindu. A turma inspirou-se no ParCão Santana, na Zona Norte da cidade.

Todo o material está nas mãos da prefeitura, mas internamente o assunto ficou para 2017, segundo informou ao PorAqui a assessoria de comunicação da Secretaria de Turismo do Recife.

LEIA TAMBÉM: ParCão Lindu só começa a sair do papel em 2017

4. Policiamento de Setúbal

Por conta da violência e do alto número de assaltos no bairro, um grupo de moradores resolveu agir e não esperar apenas pelo poder público. Criaram um grupo de WhatsApp e, a partir de informações repassadas pelos moradores e pela corporação da PM, passaram a criar as estatísticas de crimes locais.

(foto: Policiamento de Setúbal)

O grupo Policiamento de Setúbal tem contato direito com as viaturas do 19º Batalhão da Polícia Militar do Estado, conseguiram mais uma viatura para o bairro e ajudaram a prender assaltantes. 

Outro grupo também se uniu contra a violência no bairro, o Setúbal Seguro, através da criação de um plano de segurança comunitária. A retomada do projeto está agendada para janeiro de 2017.

LEIA TAMBÉM: Mais moradores poderão participar do grupo Policiamento de Setúbal

5. Setúbal Festival

O evento de rua consolidou-se e renovou-se. Agora é uma feira de arte, moda e decoração, com atrações infantis, música ao vivo e pracinha de alimentação. É uma boa oportunidade para comprar e comercializar produtos de pequenos empreendedores da cidade. Em janeiro, tem mais.

(vídeo: Marcelo Guimarães)

LEIA TAMBÉM: De pets a antiguidades: vem aí o Setúbal Festival de Verão

6. Briga por faixa de pedestres

(foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem)

Foi uma saga. Moradores pintaram e repintaram uma faixa de pedestres na esquina da Sá e Souza com a Luiz Inácio Pessoa de Melo. Foram diversos protocolos gerados na CTTU. Mas não teve jeito. O órgão implantou a sinalização, mas num ponto próximo da via, e não onde os setubalenses pediram.

LEIA TAMBÉM: Em protesto, moradores de Setúbal pintam faixa de pedestres pela terceira vez

7. Setúbal como bairro

(foto: Ricardo B Labastier/JC Imagem)

A discussão para oficializar Setúbal a bairro tomou corpo e foi parar no gabinete do prefeito Geraldo Julio, que chegou a sinalizar apoio ao projeto. O vereador eleito Wanderson Florêncio (PSDB), morador do bairro, disse ao PorAqui que a demanda será prioridade em seu mandato. 

LEIA TAMBÉM: População organiza abaixo-assinado para oficializar Setúbal como bairro

8. Amantes de Biana

(foto: Bloco Amantes de Biana)

O bloco consolidou-se como uma das principais festas carnavalescas do bairro. Juntou foi muita gente na rua. E em 2017 tem de novo, ainda maior.

LEIA TAMBÉM: Bloco Amantes de Biana de marca nova

9. Eventos de rua

(foto: Daniel Uchôa)

Teve feira literária, mostra de fotografia, São João… E muito Brincando como Antigamente. Tudo promovido pelo Coletivo Setúbal. O bairro foi para a rua, curtir, vivenciar com os vizinhos, ocupar as vias e, sobretudo, pensar numa nova organização urbana e cotidiana.

10. PorAqui

(foto: Suzana Souza/PorAqui)

Claro, não poderíamos deixar foto este acontecimento, a chegada do PorAqui a Setúbal, o primeiro bairro do projeto. O PorAqui é uma plataforma colaborativa de conteúdo hiperlocalizado. É a nova cara do antigo jornalzinho de bairro. 

Em 2016, reunimos quase 3 mil moradores e vizinhos numa comunidade digital setubalense. Foram mais de 500 publicações de interesse coletivo do bairro.

Em janeiro, vamos chegar a mais bairros, aguardem.  


O PorAqui é a sua fonte de informação e publicação. Aqui você encontra estações de conteúdo hiperlocalizado e colaborativo. 

O jornal de bairro evoluiu! Baixe agora o app gratuito e cadastre-se:                    
Android:  bit.ly/poraqui-android
iOS: bit.ly/poraqui-ios

Sugestões e colaborações: setubal@poraqui.news

Em breve, estaremos em mais bairros.