Um grande aulão com várias atividades físicas para chamar a atenção contra o câncer de próstata acontece neste sábado (19), a partir das 6h, no Parque Dona Lindu. A promoção é do Grupo de Caminhada e Corrida Hapvida +1K, com foco no Novembro Azul. A campanha levará alertas sobre o tipo de câncer, o segundo tipo mais incidente entre os homens. O evento, aberto ao público, contará com a participação de profissionais de saúde para esclarecimentos e recomendações a respeito da doença.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a estimativa é de que mais de 60 mil novos casos de câncer de próstata sejam diagnosticados no Brasil em 2016. A doença perde apenas para o câncer de pele (melanoma), que terá um maior número de casos, em ambos os sexos. Além do exame clínico de toque retal, a realização de ultrassom da próstata e de exames de sangue também deve ser feitos.  

“A partir dos 45 anos, é importante o acompanhamento para prevenção da doença, pelo menos uma vez ao ano. O câncer de próstata é, em grande parte das vezes, assintomático. Por isso a importância de campanhas e ações para alertar os homens sobre o diagnóstico precoce”, alerta o urologista Rodolfo Brilhante.

As ações do +1K, assim como o programa de caminhada e corrida, são abertas a todos que tenham interesse em exercícios físicos através da prática esportiva, sendo cliente ou não do Hapvida. O Hapvida +1K oferece gratuitamente treinos para corrida e caminhada, em diferentes polos do Recife: Jaqueira, Parque Dona Lindu, Casa Caiada (Olinda), Beira Rio, UFPE e Boa Viagem. O programa abriu 2,4 mil vagas, preenchidas em menos de 24 horas . Quem quiser participar pode se inscrever no endereço www.hapvida.com.br/mais1k e aguardar em uma lista de espera.

Serviço

Treino do Hapvida +1K – Novembro Azul

Sábado (19), das 6h às 9h, no Parque Dona Lindu

Acesso gratuito

Quer sugerir pautas em Setúbal? Envie um e-mail para poraqui@jc.com.br.

LEIA TAMBÉM

Mamógrafo móvel da prefeitura passará por Setúbal em novembro

PorAqui sem preconceitos para conscientizar sobre o câncer de próstata

Bairro agora tem caminhada em grupo para driblar a violência