Pensando na quantidade de gente que não consegue ter acesso às feiras orgânicas por conta de dias e horários restritos, o casal Lucio Borges e Tacila Gouveia resolveram montar a Organo Food, que começou estes dias a receber os primeiros pedidos. A entrega abrange Setúbal, Boa Viagem e Pina.

Leia também: 

Agosto: PorAqui lança roteiro de descontos em Setúbal em homenagem aos pais

Sábado é dia de Feira Agroecológica em Setúbal

Seis lugares para comprar alimentos saudáveis em Setúbal  

Beira-canal do Rio Jordão dá lugar a horta em Setúbal

"Já trabalhávamos com entrega de brotos, de produção própria, em Gravatá, para frutarias, supermercados, restaurantes. E aí resolvemos expandir", conta Lucio. Os fornecedores fazem parte das feirinhas orgânicas do Recife, são de Vitória, Lagoa de Itaenga, Bom Jardim, São Lourenço e outros municípios do interior.

O mercado é bastante promissor. O projeto Organics Brasil calcula que o setor cresceu 25% em 2015 e deve passar de 30% em 2016, na comparação anual. O setor se expandiu rapidamente em países ricos e agora passa a ser visto como mecanismo de desenvolvimento em regiões onde prevalecem unidades produtivas pequenas, como o Brasil.

Na Organo Food, os alimentos são colhidos na terça de madrugada e entregues na quarta de manhã. Os pedidos podem ser feitos diariamente.

Quer sugerir pautas ou divulgar seu negócio? poraqui@jc.com.br.