Como estudante da UFPE, vivo pela Várzea. E se tem uma coisa que me deixa triste é a falta de cafezinhos num bairro que eu – e muita gente – vou (quase) todos os dias. O PorAqui já falou de 3 locais charmoso para tomar um cafezinho na Várzea, e o que era pouco, virou menos ainda: um deles encerrou suas atividades. O outro mudou de donos e de nome, mas, ainda bem, segue firme e forte.

Se o ponto no bairro é ruim, eu não sei, mas sei que o A Vida É Bela Café consegue lotar e muito bem. Um dos pontos negativos e positivos do lugar é o tamanho. Deixa eu explicar: o lugar tem capacidade para oito mesinhas, na área interna e externa, o que faz com que o café seja concorridíssimo (até pela falta desses espaços na Várzea e na Cidade Universitária), mas também faz com que você conheça todo mundo que trabalha no local e perceba o carinho que há na decoração do espaço e no preparo das comidas.

Foto: Suzana Souza/PorAqui

A decoração é um charme: tudo leva as cores amarelo, preto e branco, num estilo retrô bem lindinho. A trilha sonora do local também é ótima, musiquinhas discretas e gostosas de se ouvir, sabe?Um amor a parte é o cantinho, atrás da porta, que tem itens da nova lojinha d’A Vida É Bela. A loja de economia criativa tem bijouterias, acessórios e itens de decoração. A sede oficial fica na Rua Azeredo Coutinho, dentro da Galeria Anastácio Freire, em frente à Praça da Várzea.

Experiência

Na primeira vez que consegui entrar no A Vida é Bela, depois de umas três tentativas em horários diferentes  (pós-almoço e finzinho de tarde), fui com uma amiga e ocupamos a última mesa disponível. Ela já havia ouvido falar da sobremesa mais famosa do café e pedimos ela mesma: o Pote de Sorrisos (R$17,50). Sorvete, brownie e calda de chocolate não tem como dar errado, né? Eu, particularmente, não sou muito fã de sorvete (me julgue), mas minha amiga adorou a sobremesa.

Foto: Suzana Souza/PorAqui

Na segunda vez que fui, pedi o combo com espresso + mini macaron que custou R$ 9,50. O pedido foi uma dica de uma amiga, já que eu vivo por aí caçando locais que tenham macaron no cardápio: doce raro nos cafés recifenses.

O doce do A Vida É Bela parecia estar guardado há algum tempo e estava meio durinho. Não gostei, não. Continuo órfã de cafés legais com macaron. Já o espresso estava ótimo, com grão do Kaffe. No geral, valeu a pena experimentar um dos poucos macarons da cidade.

Já vi gente reclamando do atendimento nos dias em que o café está muito cheio. Nas duas vezes que fui, o atendimento foi ótimo e num tempo super aceitável.

No cardápio, há opções sem glúten e lactose. Além disso, o espaço oferece wi-fi gratuito e algumas tomadas espalhadas pelo local. Não há estacionamento próprio, mas é bem tranquilo estacionar nas imediações da Igreja da Várzea, que é vizinha do café.

?? O que eu mais gostei: a decoração lindinha e o cuidado na apresentação dos pratos.
?? O que eu menos gostei: Sempre lotado, tem que ficar de olho pra conseguir mesa.
⭐ Recomendo: ?????

Foto: Suzana Souza/PorAqui

A Vida É Bela Café
⏰ Terça a sexta, das 12h às 21h | Sábado e domingo, das 15h às 21h
? Rua Francisco Lacerda, 394
? (081) 99921-1239

Por Suzana Souza do Café na Cidade

Suzana é estudante de jornalismo pela UFPE e estagiária do PorAqui. Moradora de Setúbal (quase) sua vida toda, Suzana não nasceu no Recife, mas é 100% pernambucana. Tem uma estante de livros dividida por cores em um quarto amontoado de coisa e sonha em um dia, bem lá na frente, ser dona de um cafezinho no Centro do Recife. É também mãe de uma gatinea chamada Mila e uma catiorinea chamada Sofia. Ah! Suzana também é doida por comidinhas (taurina, né?), lugares bonitinhos e por falar tudo no diminutivo.

Os conteúdos publicados no PorAqui são de autoria de colaboradores eventuais e fixos e não refletem as ideias ou opiniões do PorAqui. Somos uma rede que visa mostrar a pluralidade de bairros, histórias e pessoas.