Sabia que em 1859 o então Imperador do Brasil, Pedro II, esteve pelo Recife? Neste sábado (24), o Instituto Ricardo Brennand, na Várzea, Zona Oeste do Recife, relembra o episódio em uma nova edição do projeto Peça a Peça, percorrendo os caminhos que o imperador fez pela capital.

Esta edição do projeto, que vai rememorar os 210 anos da chegada da família real portuguesa ao Brasil, fará um resgate da memória imperial do Recife oitocentista através do debate sobre telas que retratam roteiros pelos quais o Imperador D. Pedro II passou na capital pernambucana. Entre eles, o Teatro de Santa Isabel, a Praça de Pedro II e a Ponte da Boa Vista.

Ponte da Boa Vista: o elo do vai e vem do Centro do Recife

Durante o evento, haverá a apresentação do Duo Aracê, com repertório ambientado no Pernambuco do século XIX e composições musicais de Cantuária e Fachinetti. Além disso, a pesquisadora e mestranda em História, da Universidade Católica de Pernambuco, Ana Cristina Costa, vai ministrar a palestra Viagem de D. Pedro II à Província de Pernambuco – 1859.

Descubra uma biblioteca aberta com 60 mil títulos de artes e história na Várzea

O Peça a Peça está incluso no valor do ingresso de entrada do IRB, que custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada), mas as inscrições devem ser feitas previamente através do e-mail formação.oficinas@institutoricardobrennand.org.br.

Peça a Peça – 113ª Edição
Instituto Ricardo Brennand – Alameda Antônio Brennand, Várzea, Recife – PE
24 de março, sábado, a partir das 14h30
Entrada: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)
Inscrições prévia através do e-mail formação.oficinas@institutoricardobrennand.org.br